Conheça o painel de controle cPanel por dentro

Painel de controle cPanel

O que é o cPanel?

cPanel é um tipo de painel de controle utilizado em planos de hospedagem de sites. Seu nome vem do inglês e é uma abreviação de Control Panel, no entanto, cPanel é uma marca registrada pela empresa que o criou e o mantém até hoje. O sistema é licenciado para as empresas de hospedagem e estas o repassam para seus clientes, sendo assim, o usuário comum (eu e você) não pode simplesmente comprar ou alugar o cPanel. Ao invés disso, deve contratar uma empresa de hospedagem que ofereça a ferramenta.

…a cada 6 segundos um novo domínio é publicado na internet através do cPanel.

O cPanel permite, através de uma interface simples e intuitiva, gerenciar e realizar diversas alterações no servidor de hospedagem de quem o utiliza. Entre as ações possíveis estão a inclusão de novos domínios, a criação de contas de e-mails e bancos de dados, o envio e gerenciamento de arquivos para o servidor, a publicação de um site, entre muitas outras ações disponíveis.

Lançado em 1997, este painel de controle rapidamente ganhou popularidade entre empresas e usuários. Atualmente, o cPanel é o painel de controle mais utilizado no mundo1. Segundo seus criadores, a cada 6 segundos um novo domínio é publicado na internet através do cPanel2.

Diferentes aparências do cPanel

O cPanel é uma ferramenta flexível e que pode ter sua interface modificada pela empresa de hospedagem que o oferece. Veja abaixo um exemplo de como a interface do cPanel pode variar de uma empresa para outra. Primeiro está o cPanel oferecido pela HostGator Brasil. Em seguida o oferecido pela GoDaddy.

cPanel HostGator

cPanel – Layout oferecido pela HostGator

cPanel GoDaddy

cPanel – Layout oferecido pela GoDaddy

Apesar da diferença na aparência, os principais recursos são os mesmos, à exceção de alguns itens inseridos pelas empresas de hospedagem, como também pode ser observado nas imagens acima. Os recursos mais comuns, como a configuração de domínios, criação de e-mails, base de dados e outros, estão disponíveis com a mesma facilidade de uso em ambos os casos.

Customizações do painel pelo usuário

O usuário também pode realizar algumas alterações no cPanel, se desejar, para personalizar sua aparência, de acordo com o seu gosto. Algumas possibilidades de customização, no entanto, não estão disponíveis em todas as empresas, como por exemplo, a alteração do layout da interface pelo usuário. Em muitos casos é possível alterar até mesmo o idioma do painel. Vamos ver a seguir outros exemplos de customização disponíveis no cPanel da HostGator Brasil.

Para ocupar menos espaço na tela, é possível esconder qualquer bloco de informação no painel. Isso pode ser útil para manter visíveis apenas as áreas que mais utiliza, economizando o tempo gasto até encontrar determinado item.

cPanel accordion

A interface também permite que o usuário reorganize os blocos de recursos de acordo com sua preferência. Para isso, basta arrastar a barra com o título da área e ela poderá ser levada para o topo.

cPanel reorganizar áreas

Recursos do cPanel

Agora que já fomos apresentados ao cPanel e aos seus diferentes sabores, vamos conhecer um pouco melhor os recursos que tornaram essa ferramenta tão popular no universo da hospedagem de sites.

Informações gerais do servidor

cPanel coluna usoO cPanel possui uma área criada para exibir informações do servidor e da hospedagem. Estas informações estão localizadas em uma coluna à direita da coluna de ações e ferramentas. Informações sobre os backups da hospedagem, uso de memória RAM e CPU, estatísticas de uso do servidor, tráfego do site e muitas outras, podem ser visualizadas nesta coluna. Para obter mais detalhes, basta clicar no link correspondente e a página com informações de uso detalhadas irá se abrir.

A segunda coluna, mais larga e localizada à direita da tela, possui blocos agrupados por categoria, com links para todas as ações disponíveis no cPanel. Vamos conhecer a seguir algumas das áreas de ação mais importantes do cPanel.

Gerenciamento de domínios

cPanel - gerenciamento de domínios
Na área de gerenciamento de domínios, é possível adicionar novos domínios, criar subdomínios, redirecionar domínios e fazer edições avançadas no DNS do seu domínio, conforme detalhado a seguir:

  • Subdomínios – são áreas diferentes do site, dentro do mesmo domínio. Pode ser usado para diferenciar ou organizar seções dentro de um site. Por exemplo, se você tem um blog e uma loja virtual, além de um site institucional, poderia criar os subdomínios blog.meusite.com.br e loja.meusite.com.br. Ao criar um subdomínio através do cPanel, é criado automaticamente um diretório para o novo subdomínio.
  • Domínios de complementos (domínios adicionais) – é possível adicionar novos domínios através desta área. Assim como na criação de um subdomínio, ao criar um domínio adicional, um diretório é criado para o novo domínio. Com esse recurso, é possível ter mais de um site dentro do mesmo plano de hospedagem. Vale lembrar que nem todos os planos de hospedagem disponibilizam a opção de ter mais de um site na mesma hospedagem.
  • Aliases (domínios estacionados) – um domínio “estacionado”, é um domínio adicional, mas que aponta para o domínio principal. Dessa forma, é possível navegar no mesmo site, utilizando mais de um domínio. Por exemplo, a coca-cola.com.br poderia ter o domínio estacionado cocacola.com.br, para que os usuários pudessem acessar o site digitando qualquer um dos dois domínios.
  • Redirecionar – este recurso permite que você crie um redirecionamento, temporário ou definitivo, de um link para outro. Isso pode ser muito útil quando houver uma mudança de endereço no site e você deseja preservar o link, para que os usuários sejam direcionados para a página nova (ex.: meusite.com.br/pagina-antiga redireciona para meusite.com.br/pagina-nova), ou ainda, em caso de promoções temporárias, que ao saírem do ar, são redirecionadas para a página principal do site.
  • Editor de DNS simples e avançado – apenas em situações especiais será necessário realizar alguma alteração na sua zona de DNS. Por exemplo, se você desejar utilizar o e-mail do Google Apps, isso será necessário, para que seus e-mails sejam direcionados para os servidores do Google, ao invés dos servidores da sua empresa de hospedagem. Mas atenção: não faça qualquer alteração aqui se não tiver certeza do que está fazendo, porque este é um recurso poderoso, que pode tirar o seu site do ar e bloquear o recebimento e o envio de seus e-mails, caso usado incorretamente.

Gerenciamento de e-mails no cPanel

cPanel e-mail
O cPanel oferece recursos muito interessantes no que diz respeito ao gerenciamento de e-mails. Além dos já esperados, como a criação e administração de contas de e-mail, também é possível criar listas de discussão, fazer encaminhamentos de contas de e-mail e ativar o recurso anti-spam. Vamos conhecer melhor os principais recursos desta área.

  • Contas de e-mail – como era de se esperar, nesta área é possível criar e apagar contas de e-mail. É possível criar novos e-mails em qualquer domínio, caso exista mais de um domínio em sua hospedagem. Também é possível definir um tamanho máximo para cada caixa de e-mail no momento da criação. Essa área também permite acessar o webmail de todas as contas criadas na hospedagem, mesmo se você não souber a senha, além de permitir também a alteração de senha das contas existentes.
  • Webmail (disponível dentro de contas de e-mail) – o webmail permite que as mensagens de e-mail sejam lidas no seu navegador, sem necessidade de configurar um programa de e-mails externo, como o Outlook ou Firebird. Em geral o cPanel disponibiliza três opções de webmail distintas: o Horde, RoundCube e o SquirrelMail. É possível programar o programa preferido para ser carreado por padrão em cada conta de e-mail.
  • Apache SpamAssassin – este recurso permite ativar um filtro para prevenção de mensagens spam em sua caixa de e-mails. É possível definir o rigor com que as mensagens serão filtradas e também revisá-las, para confirmar que todas as mensagens são realmente spam.
  • Encaminhadores de e-mail – aqui é possível encaminhar os e-mails recebidos em uma conta para outra. Um exemplo do uso desse recurso seria se você possuísse um email de contato genérico (ex: contato@meusite.com.br) e desejasse encaminhá-lo para o seu e-mail pessoal, para não ter que ficar checando se chegaram novas mensagens nessa conta.
  • Listas de endereçamento – este é um recurso não muito conhecido, mas bem interessante do cPanel. Uma lista de discussão permite que você envie comunicados para diversos destinatários a partir de um único e-mail. Da mesma forma, os membros da lista podem interagir com as mensagens e enviar seus próprios comunicados, caso tenham permissão para fazê-lo. A lista de discussão utiliza o software gratuito e open source Mailman.
Opções de webmail disponíveis no cPanel

Opções de webmail disponíveis no cPanel

Gerenciamento de arquivos

cPanel gerenciamento de arquivos
Um dos pontos fortes da área de gerenciamento de arquivos é a possibilidade de utilizar um painel amigável, semelhante ao gerenciador de arquivos do Windows, para transferir e editar os arquivos do seu site no próprio browser. Vamos conhecer as principais seções dessa área.

  • Assistente de backup – este item permite que se faça um backup completo do cPanel, incluindo as configurações da hospedagem. Também é possível realizar backups parciais, de diretórios ou bancos de dados, por exemplo, nesta seção. Ao selecionar o tipo de backup desejado, será gerado um arquivo comprimido (.zip) para download.
  • Contas de FTP – aqui é possível criar novos usuários de FTP. Esse recurso é bastante útil caso você queira conceder acesso de FTP a alguém em apenas um diretório ou site em sua hospedagem. Também é possível definir um limite máximo (quota) de armazenamento para o usuário de FTP.
  •  Gerenciador de arquivos – esta ferramenta permite adicionar, apagar, mover, copiar, renomear e muito mais, com o gerenciador de arquivos do cPanel. Assim, não é necessário utilizar ou configurar nenhum programa externo para publicar arquivos em seu site.
Gerenciador de arquivos cPanel

Administração de bancos de dados no cPanel

Bancos de dados cPanel
Um banco de dados é uma coleção ou grupo de informações armazenadas em um formato que pode ser lido por programas específicos, chamados de gerenciadores de bancos de dados. É bastante comum a utilização de bancos de dados por um site, para armazenar e exibir seu conteúdo. No caso de uma hospedagem Linux, é comum encontrar bancos de dados do tipo MySQL (algumas empresas também oferecem a opção PostgreSQL, em hospedagens Linux). Vamos ver o que o cPanel oferece de recursos para o gerenciamento de bancos de dados.

  • Bancos de dados MySQL – nesta área é possível criar novos bancos de dados e usuários (para acessar o banco), assim como associar um usuário a acessar um banco específico. Também é possível definir as permissões que um novo usuário terá em cada banco.
  • Assistente de banco de dados MySQL – este é o assistente para criação de novos bancos de dados. Ele faz tudo o que mencionamos acima, mas através de um passo a passo mais intuitivo para o usuário.
  • phpMyAdmin – o phpMyAdmin é uma ferramenta bastante popular para gerenciamento de bancos de dados. Da mesma forma que um webmail, permite que o usuário administre seu banco de dados em um programa que roda no próprio navegador, dispensando a instalação e configuração de programas externos. Muito útil.
  • MySQL remoto – dependendo das configurações de sua hospedagem, poderá se necessário autorizar um acesso externo a um banco de dados, por questões de segurança. Essa autorização deverá ser concedida através dessa ferramenta.

Recursos avançados

Além do básico (que já é bastante coisa), o painel de controle cPanel também oferece recursos avançados, como veremos alguns abaixo.

  • Agendamento de tarefas cron – uma tarefa cron é um procedimento que pode ser realizado automaticamente por um servidor Linux, como por exemplo, o salvamento de um arquivo de log diário, em um determinado horário de sua escolha. O cPanel possui um gerenciador de tarefas cron, por onde é possível criar novas tarefas e editar as existentes.
  • Ruby on Rails – Ruby on Rails é um framework de programação muito popular atualmente, usado para criação de aplicações na internet. É possível disponibilizar uma nova instância do Ruby on Rails em seu servidor através desta área.
  • Diretórios protegidos com senha – Se você deseja publicar algum dado sigiloso em seu site e deseja restringir o acesso do mesmo, é possível configurar um login e uma senha para isso.
  • Apache handlers – é possível ativar handlers especiais para o Apache, como por exemplo, habilitar a leitura de arquivos de html dinâmicos (.shtml) através desta área.

Se os termos acima soam como grego ou japonês para você, não se preocupe, provavelmente você poderá manter a sua hospedagem por muitos anos sem nunca ter que lidar com um dos recursos avançados listados acima. Lembrando que alguns itens ficaram propositalmente de fora deste artigo, porque a descrição completa de todos não caberia aqui. 😉

Recursos exclusivos das empresas de hospedagens

O cPanel é disponibilizado para as empresas de hospedagem de maneira modular. Isso significa que as próprias empresas podem acrescentar funcionalidades próprias e exclusivas para seus clientes. Um grande exemplo disso, é o instalador de scripts QuickInstall, disponibilizado pela HostGator para seus clientes.

Através do QuickInstall, é possível instalar sites completos, como por exemplo o WordPress, Magento e Drupal, com apenas alguns cliques. Para isso, basta acessar o recurso, escolher o software desejado e o programa vai instalar tudo pra você.

QuickInstall HostGator

Empresas que oferecem o cPanel na hospedagem de sites

O painel de controle cPanel está disponível em centenas de empresas no Brasil e no mundo. Veja abaixo algumas empresas presentes no Brasil que oferecem a ferramenta:
banner

Conclusão

Como vimos neste artigo, o painel de controle cPanel é uma ferramenta poderosa sob diversos aspectos para gerenciamento de uma hospedagem. Através dele, é possível publicar e despublicar sites, criar e deletar contas de e-mails e ter acesso total ao conteúdo do servidor de hospedagem. Por isso, nunca é demais lembrar que seu acesso deve ser restrito aos donos e/ou administradores da conta.

Possui alguma dúvida ou deseja acrescentar alguma informação? Deixe seu comentário e vamos conversar! 😀

Notas:
1 Diversos sites na internet afirmam que o cPanel é o software de gerenciamento de hospedagem de sites mais utilizado no mundo, no entanto, não foi possível confirmar essa informação através de uma fonte oficial.
2 Informação disponível no site oficial do cPanel.

Por:

Designer, desenvolvedor web e um dos fundadores do Tudo sobre Hospedagem de Sites. Entusiasta do WordPress e apaixonado por tecnologia em geral. Acredita que a internet está ajudando a tornar o mundo um lugar melhor de se viver. =)

2 Comentários

  1. Larissa

    Bill, adorei a matéria! Mas fiquei com umas dúvidas:

    Como eu faço para mexer no layout do site hospedado no cPanel? O único acesso que me foi dado para mexer no layout e configurações do site da empresa foi esse. É mesmo por lá que faço essas alterações?

    Não sei se poderá me ajudar nesta parte. De toda forma obrigada pela postagem!

    Responder
    • Bill Bordallo
      Cofundador - Tudo Sobre Hospedagem de Sites

      Olá, Larissa!
      Obrigado pelo comentário. 🙂
      O cPanel controla apenas a sua hospedagem. A alteração do layout do site vai depender da tecnologia você usou ou vai usar para contruí-lo. Caso a área de desenvolvimento de sites não seja a sua praia, é possível encontrar instaladores automáticos no cPanel, onde você pode escolher um gerenciador de conteúdo e instalar na sua hospedagem. Após a instalação você poderá customizar o site como desejar. Diversas hospedagens também oferecem uma ferramenta chamada “Criador de Sites” que costuma ser mais amigável do que uma plataforma instalada.

      Se você acabou de contratar uma hospedagem com cPanel, recomendo que avalie quais são as plataformas disponíveis para instalação automática e/ou criador de sites e então faça a sua escolha. Uma plataforma bem popular é o WordPress, que pode ser instalado em praticamente todas as empresas de hospedagem. Para saber mais e te ajudar a decidir, separei alguns artigos para você:

      Criador de Site ou WordPress: qual o mais indicado para construir o meu site?
      WordPress: o que é e quais as suas vantagens na criação de um site
      Como criar um site: da escolha do domínio à publicação

      Espero ter ajudado. Se tiver outras dúvidas, basta entrar em contato.
      Um abraço e boa sorte!

      Responder

Deixe um comentário