Criador de Site ou WordPress: qual o mais indicado para construir o meu site?

criador de site ou wordpress

Esta é uma pergunta que recebo com frequência dos leitores do blog, e também de amigos e familiares. Pessoas que querem criar o seu primeiro site e ficam em dúvida sobre qual plataforma escolher. Em situações como essa é normal ficar indeciso, já que há uma infinidade de opções. Espero conseguir ajudá-lo hoje a encontrar a resposta que está procurando. 🙂

Por serem muito populares, optei por comparar os criadores de sites e o WordPress, que atualmente estão entre as ferramentas mais fáceis, baratas e vantajosas para criar um site. Ao final, você descobrirá se o mais interessante, no seu caso, é construir um site em WordPress ou em um criador de sites. Vamos lá?

Quem irá criar o seu site?

Este primeiro ponto parece simples, mas é fundamental para a escolha da ferramenta. Se você irá criar o seu próprio site, deverá levar em consideração o seu conhecimento técnico.

O criador de sites é ideal para qualquer pessoa que deseja construir o seu próprio site, mesmo sem entender de códigos e design. É uma ferramenta fácil de usar, que já oferece todos os recursos que você precisa para criar o seu site, incluindo temas, plugins e hospedagem.

O WordPress também é uma ferramenta amigável, mas ainda não possui o nível de facilidade de um construtor de sites. Exige um pouco mais de conhecimento técnico, porque envolve configurações específicas para fazer o site funcionar, como por exemplo, a hospedagem de sites. Repare que estou falando da versão instalada do WordPress, e não do WordPress.org. Para entender a diferença, sugiro a leitura do nosso post “WordPress.com X WordPress.org“.

Por outro lado, se você irá contratar um profissional ou empresa para criar o seu site, recomendo que opte pelo WordPress. É uma ferramenta muito mais flexível, escalável e robusta que o construtor de sites. Para conhecer melhor esta ferramenta, confira nosso artigo sobre o WordPress.

Que tipo de site planeja ter?

Esta é outra questão que ajuda a definir qual plataforma usar. Se você planeja criar um blog, já te adianto que o WordPress é de longe a melhor ferramenta para blogs. Alguns construtores de sites até oferecem recurso de blog, mas eles não chegam nem aos pés do WordPress. Há ainda o Blogger, que apesar de famoso, é limitado. Caso queira entender melhor as diferenças entre as duas plataformas, recomendo a leitura do post: Blogger ou WordPress?

Caso planeje criar uma loja virtual, você terá essas duas plataformas à sua disposição e outras específicas para e-commerce, como as lojas virtuais prontas e o Magento, que é um gerenciador de conteúdo voltado para a criação de lojas virtuais. O WordPress possui o WooCommerce, um plugin de e-commerce bastante popular que atende lojas virtuais de pequeno e médio porte. Alguns construtores de sites também oferecem planos de e-commerce, voltados para pequenas lojas. Já as lojas virtuais de grande porte demandam soluções robustas e customizadas para as suas necessidades.

Agora, se a sua ideia é ter um site institucional ou pessoal, saiba que há ótimas opções tanto nos construtores de sites quanto no WordPress.

Qual a complexidade do seu site?

Os criadores de sites evoluíram muito nos últimos anos e hoje oferecem recursos variados para quem deseja ter um site. A maioria das ferramentas permite que você personalize bem o seu site e adicione funcionalidades com apenas alguns cliques e sem escrever uma linha de código sequer. Antigamente isso só seria possível com a ajuda de um profissional.

Ainda assim, dependendo do seu projeto online, é provável que você encontre diversas limitações em um construtor de site.

WordPress, por ser mais flexível, permite que você utilize plugins, ou ainda, crie a sua própria solução diretamente no código. A quantidade de plugins é muito superior ao que é oferecido em um construtor e a possibilidade de customização é incomparável. É possível fazer quase tudo em um WordPress.

Para exemplificar a diferença entre as ferramentas, imagine que você precise criar uma página para orçamento, que calcule o preço em tempo real, com base nas respostas do usuário. No WordPress você poderá desenvolver este formulário, com a ajuda de um desenvolvedor. No criador de sites você dificilmente conseguirá desenvolver esta solução customizada, pois a ferramenta é bem mais “engessada”.

Quanta flexibilidade o seu site necessita?

O que você espera para o seu site no futuro? Que continue do mesmo tamanho ou que cresça em tamanho e volume de acessos?

Se a ideia é ter um site pequeno, então não há razão para se preocupar, pois qualquer uma das ferramentas te atenderá. Agora, se o seu objetivo é evoluir com o site e crescer em audiência, vale a pena pensar duas vezes. O criador de site até permite crescimento, mas de forma restrita. A maioria possui limites de espaço e tráfego, que você precisará respeitar. Sem falar nas outras limitações que a própria ferramenta impõe.

Já o WordPress pode ser customizado conforme você desejar. E os recursos de espaço e tráfego são flexíveis, pois dependem da hospedagem, e não da plataforma. Em outras palavras, quando o seu site evoluir e sua audiência crescer, o máximo que irá fazer é migrar de hospedagem, para uma que atenda às suas necessidades. O WordPress continuará sendo a plataforma do seu site.

No criador de sites, infelizmente isso não acontece. Se o seu site ultrapassar os limites do plano mais robusto, você precisará criar o seu site em outra ferramenta. Neste modelo, não é possível migrar o seu site, pois ele só funciona dentro da empresa fornecedora da plataforma. O WordPress, por sua vez, é gratuito e de código aberto, e pode ser hospedado em qualquer empresa.

Qual a importância do SEO para você?

Para responder esta pergunta, pense o seguinte: o sucesso do seu site depende fortemente das visitas de usuários que estão pesquisando sobre o seu segmento no Google? Ou é um site para o público que já conhece você ou o seu negócio?

Se ao publicar o seu site, você espera alcançar um grande volume de acessos com origem no Google, de forma orgânica (ou seja, sem pagar por anúncios), então SEO é muito importante para você. Se o seu objetivo é se relacionar com a sua audiência e seus clientes atuais, que já o conhecem pelo nome, então SEO não tem um papel tão fundamental no seu site.

SEO é uma sigla para Search Engine Optimization, que basicamente trata de boas práticas para ter o seu site otimizado para os mecanismos de busca. O que você precisa saber é que os criadores de sites oferecem um SEO básico, enquanto o WordPress é uma das ferramentas mais amigáveis para os buscadores.

Sendo assim, se SEO é importante para você, não pense duas vezes: vá de WordPress. 😉

Quanto pretende investir no site?

Como em qualquer projeto, às vezes o dinheiro é um fator limitador. Sobre isso, é importante saber que o investimento necessário para criar um site difere entre o criador de sites e o WordPress.

No primeiro você paga uma mensalidade, que funciona como um aluguel da ferramenta e varia de gratuito a R$ 40 por mês. Ao contratar um plano, você tem acesso gratuito a dezenas de temas, para escolher para o seu site. Neste modelo, o investimento inicial do seu site é bem baixo, porque o custo para começar é basicamente a mensalidade e o seu tempo.

Ao escolher o WordPress, será preciso investir em um profissional ou agência para construir o seu site, caso não o faça por conta própria. Isso deverá custar no mínimo R$ 500, podendo ultrapassar os R$ 5.000 dependendo do projeto. Além disso, precisará pagar por uma hospedagem de sites, em um valor a partir de R$ 10 mensais. Caso crie o seu próprio site no WordPress, talvez opte por comprar um tema premium, que adicionará um custo de cerca de 50 dólares.

Podemos ver que, no caso do WordPress, o investimento inicial tende a ser mais alto do que o construtor de sites. Porém, à longo prazo, o custo do WordPress pode cair consideravelmente, ainda mais se o seu site for simples e você mesmo fizer a manutenção.

Em resumo: se você precisa criar um site e o dinheiro está curto, opte pelo criador de site ou WordPress, mas crie o site por conta própria. Veja aqui como criar um site no WordPress, usando um tema gratuito.

O que escolher: criador de site ou WordPress?

Como vimos, a ferramenta mais indicada para criar o seu site depende de diversos fatores. De quem irá construir o site, do valor disponível para investir e do tipo de site que pretende criar.

Se você se identificou com o criador de sites, que tal conhecer algumas ferramentas disponíveis no mercado? Confira este comparativo bem bacana, com os construtores de sites mais populares.

Se o WordPress é a ferramenta ideal, veja este artigo que ensina como criar um site WordPress em poucos passos. É ótimo para quem quer usar o WordPress, mas não tem conhecimento técnico.

Boa sorte com o seu projeto, e qualquer dúvida, deixe um comentário aqui no blog! 🙂

↑ Ir para o topo

Por:

Profissional de marketing e empreendedora, com mais de 10 anos de bagagem digital. Ama viajar e sonha com o dia em que qualquer pessoa poderá ter o seu site na internet.

Deixe um comentário

↑ Ir para o topo