Melhor VPS: Ranking de servidores VPS Setembro 2019

Procurando um servidor VPS? Encontre o melhor VPS para você em nosso comparativo feito por especialistas. Confira!

# Empresa Diferenciais Memória Espaço Tráfego Painel Preço* Link
1 HostGator 2 IPs dedicados grátis
Acesso root e SSL gratuito
4 GB 160 GB
(SSD)
Ilimitado cPanel de 94,99 por
52,29
Oferta Especial
Visitar Site
2 Locaweb Servidor no Brasil
VPS Linux ou Windows
1 GB 40 GB
(SSD)
2 TB Próprio 29,90 Visitar Site
3 DreamHost Sites ilimitados e SSL gratuito
Garantia de uptime 100%
1 GB 30 GB
(SSD)
Ilimitado Próprio 10 Visitar Site
4 InMotion Garantia de reembolso 90 dias
IP dedicado e SSL gratuito
4 GB 75 GB
(SSD)
4 TB cPanel 27,99 Visitar Site
5 Hostinger Menor preço de entrada
Garantia de reembolso 30 dias
1 GB 20 GB
(SSD)
0,98 TB Próprio de 33,89 por
14,99
Visitar Site
6 Menor preço de entrada
Garantia de reembolso 30 dias
1 GB 20 GB
(SSD)
0,98 TB Próprio de 33,89 por
14,99
Visitar Site
7 GoDaddy VPS Linux ou Windows
Inclui opção sem painel
2 GB 40 GB Ilimitado cPanel 95,99 Visitar Site
8 Bluehost Garantia de reembolso 30 dias
IP dedicado e SSL gratuito
2 GB 30 GB
(SSD)
1 TB Próprio 19,99 Visitar Site
9 UOL Host Servidor no Brasil
IP dedicado e SSL gratuito
2 GB 50 GB
(SSD)
Não
informado
Plesk
Onyx
190,90 Visitar Site
10 Media Temple SSL gratuito
Possui opção sem painel
2 GB 30 GB
(SSD)
2 TB cPanel
ou Plesk
55 Visitar Site

*Valor equivalente mensal na contratação do ciclo de pagamento mais longo oferecido por cada empresa para o plano de servidor VPS. Os planos foram selecionados por serem mais parecidos e facilitar a comparação, mas cada empresa oferece diversos planos VPS, disponíveis no site da empresa.
**As informações contidas nesta página foram retiradas dos sites das empresas e por isso podem sofrer atualizações sem aviso prévio.
***Parte das vendas realizadas com origem em nosso site gera uma comissão. Isso não influencia o posicionamento das empresas nem os preços praticados. Pelo contrário, algumas ofertas são oferecidas com exclusividade pelo nosso site. Esta é apenas uma forma de manter o nosso site e conteúdo gratuito para os nossos leitores.

Qual é o melhor VPS?

As 10 empresas a seguir foram selecionadas em nosso ranking de melhor VPS. Itens como recursos, qualidade e preço foram levados em consideração, resultando em serviços com o melhor custo-benefício para o usuário.

1. HostGator

HostGator logo

A HostGator↗, uma das maiores do segmento no Brasil, lidera o ranking de melhor VPS por oferecer servidores VPS com hardware de ponta e ótimos recursos, a preços competitivos. Os planos custam a partir de R$ 52,29 por mês nesta promoção com 45% de desconto. Entre os recursos oferecidos estão processadores Intel, memória DDR4, armazenamento SSD (a partir de 160 GB), transferência ilimitada, 2 IPs dedicados, painel cPanel/WHM, acesso root e SSL gratuito.

Este VPS é ideal para clientes com sites e aplicações que demandam desempenho, disponibilidade e controle, e também agências e revendas. A HostGator oferece ainda a migração gratuita de até 30 sites (condições se aplicam). O suporte técnico é 24/7, em português, e funciona através de chat e ticket.

Ler review Visitar site

2. Locaweb

Locaweb

O 2º melhor servidor VPS no Brasil é da Locaweb↗, que tem como destaques o data center no país e a grande variedade de planos VPS. Disponíveis em Linux e Windows, os planos VPS atendem de sites menores até grandes aplicações. O VPS mais barato custa R$ 15,90 por mês, mas é possível contratar planos robustos, com até 32 GB de memória, por exemplo. A Locaweb utiliza processadores e discos SSD Intel e disponibiliza 1 IP dedicado gratuito por servidor.

Os servidores VPS da Locaweb utilizam painel de controle próprio, mas a empresa também oferece planos VPS com cPanel. Já quem procura esse servidor para revenda de hospedagem, pode contar com os planos de revenda em VPS. O suporte técnico é em português e funciona 24/7, através de telefone e chat.

Ler review da Locaweb Visitar site

3. DreamHost

DreamHost logo

Em 3º lugar no ranking de melhor VPS está a DreamHost↗, uma das empresas mais conceituadas nos EUA. Seus planos VPS são gerenciados e custam a partir de US$ 10 por mês (aprox. R$ 40 por mês). Diferente de outras empresas, o VPS da DreamHost foi criado para donos de sites que buscam uma hospedagem com desempenho superior, mas não precisam de acesso total ao servidor. Esse VPS não oferece acesso root (apenas SSH) e o IP dedicado é cobrado à parte.

Em contrapartida, é um VPS com ótimos recursos para sites e garantia de 100% de uptime. Os planos possuem recursos ilimitados e armazenamento SSD, além de SSL gratuito e backup automático. A DreamHost é uma das hospedagens recomendadas pelo WordPress.org e seu suporte é oferecido 24/7 (em inglês).

Ler review da DreamHost Visitar site

4. InMotion Hosting

InMotion Hosting

A InMotion↗ é uma empresa de hospedagem americana e seus ótimos recursos fazem com que ela esteja entre os melhores servidores VPS. O plano inicial custa US$ 27,99 por mês e já vem com uma boa quantidade de recursos, comparado aos concorrentes. Além disso, a empresa oferece armazenamento SSD, painel cPanel/WHM, 3 IPs dedicados gratuitos e certificado SSL gratuito (via cPanel).

Outro diferencial da InMotion é que ela oferece 90 dias de garantia para reembolso, algo raro no mercado. Novos clientes também têm acesso à migração gratuita de sites (condições se aplicam) e domínio grátis a partir do plano semestral. O suporte da empresa funciona 24/7, por telefone, chat e ticket, porém somente em inglês.

Visitar site

5. Hostinger

Hostinger logo

A quinta colocada no ranking de melhor VPS é a Hostinger↗, empresa conhecida por ter um dos servidores VPS mais baratos do mercado. Com planos que iniciam em R$ 14,99 por mês na promoção, esse VPS é feito para usuários que buscam controle total do servidor. Ao todo são 7 planos VPS, semi-gerenciados, o que indica que é necessário ter conhecimento técnico para gerenciar o servidor.

Os planos VPS da Hostinger variam bastante em recursos, sendo alguns mais restritos, porém com preços que justificam. Todos os planos incluem 1 IP dedicado grátis e armazenamento em SSD. A empresa ainda oferece 30 dias de garantia de reembolso, em caso de insatisfação. O suporte técnico é 24/7 e em português, mas está disponível apenas via chat (a partir do painel de cliente).

Ler review da Hostinger Visitar site

6. WebLink

WebLink Hosting

A WebLink↗ é uma marca de hospedagem brasileira, parte do grupo internacional Hostinger, e figura no ranking de melhor VPS por oferecer planos baratos e variados. Assim como a matriz, a WebLink possui planos que começam em R$ 14,99 por mês para novas contratações. Ao todo são oferecidos 6 planos, com recursos distintos de armazenamento, memória, CPU e transferência, para atender diferentes necessidades.

Todos os planos possuem acesso root, discos SSD e 1 IP dedicado gratuito. A empresa oferece ainda um painel próprio para gerenciamento do VPS e uma garantia de reembolso de 30 dias. O suporte da WebLink funciona 24/7 e em português, porém é restrito ao chat disponível no painel de cliente.

Ler review da WebLink Visitar site

7. GoDaddy

GoDaddy logo

A GoDaddy↗ é uma das maiores empresas de hospedagem do mundo e também está entre os 10 melhores servidores VPS do Brasil. Como diferenciais da empresa, estão os planos em Linux ou Windows e a possibilidade de contratar um plano autogerenciado (sem painel) ou gerenciado (com cPanel/WHM). Os planos custam a partir de R$ 38,99 por mês e R$ 95,99 por mês, respectivamente.

Os planos VPS da Go Daddy vêm com 1 IP dedicado gratuito, armazenamento em SSD e SSL gratuito (apenas no 1º ano). Para ter SSL grátis por tempo indeterminado, pode-se usar a funcionalidade AutoSSL no plano com cPanel. O suporte da empresa é feito em português, mas apenas por telefone (ligação local), de segunda a sexta, de 9h às 21h.

Ler review da GoDaddy Visitar site

8. Bluehost

bluehost

Na oitava posição de melhor VPS está a Bluehost↗, empresa americana com atuação global. Ela oferece 3 opções de planos VPS, que custam a partir de US$ 19,99 por mês na promoção (aproximadamente R$ 80 por mês). Esta é uma hospedagem voltada para usuários que buscam mais desempenho e recursos dedicados para o seu site, e não controle do servidor. Esse VPS não fornece acesso root, nem painel cPanel/WHM.

A empresa fornece 1 IP dedicado gratuito em todos os planos, além de armazenamento SSD e domínio grátis no 1º ano. Há ainda 30 dias de garantia de reembolso, em caso de insatisfação. O suporte da BlueHost funciona 24/7, via chat e telefone (ligação internacional), porém somente em inglês.

Ler review da Bluehost Visitar site

9. UOL Host

UOL Host logo

A UOL Host↗ está presente no ranking de melhor servidor VPS com um produto diferenciado e focado em desenvolvedores, agências e profissionais que hospedam muitos sites. Os planos iniciam em R$ 190,90 por mês e se dividem em duas categorias: para hospedar sites próprios e para revenda. O VPS básico hospeda até 30 sites e em qualquer plano é possível escolher o tamanho de espaço em disco. Os demais recursos já vêm estabelecidos por plano, como memória e CPU.

Os servidores VPS ficam localizados no Brasil e tem sua infraestrutura baseada no OpenStack. O painel é o Plesk Onyx (que funciona em Linux). Através dele é possível controlar o consumo de recursos por assinaturas e gerenciar todos os aspectos da configuração de sites, bancos de dados e e-mails. O suporte é oferecido 24/7 em português, via chat, telefone e ticket.

Ler review da UOL Host Visitar site

10. Media Temple

MediaTemple

A Media Temple (mt)↗ tem um dos servidores VPS mais robustos do mercado e só não está melhor posicionada no ranking por conta do preço mais elevado. Os planos VPS começam em US$ 30 por mês (na opção sem painelDV Developer) e US$ 55 (na gerenciada – DV Managed). O VPS gerenciado inclui painel (cPanel/WHM ou Plesk Onyx) e é indicado para agências, revendas e negócios.

O VPS da Media Temple (mt) impressiona na quantidade de opções e recursos. É possível contratar desde planos pequenos até servidores com 128GB de RAM e 1TB de armazenamento SSD, muito acima do oferecido pela maioria das empresas. Assim como a garantia de uptime, de 99,99%.O suporte é 24/7, em inglês, e está disponível por chat, ticket e telefone (ligação internacional).

Ler review da Media Temple Visitar site

Como escolher o melhor VPS

Para encontrar o melhor VPS para você, primeiramente avalie o quanto de recursos precisa ter à disposição para atender o seu projeto online e quanto está disposto a pagar. É muito importante realizar algum tipo de dimensionamento dos recursos. A razão é que os planos de VPS possuem limites claramente definidos e um subdimensionamento pode trazer dores de cabeça no futuro.

O dimensionamento de recursos será afetado pelo tipo de uso, ou seja, pela finalidade do VPS. Vejamos a seguir os tipos de uso mais comuns e algumas considerações que podem ajudar a definir o melhor VPS para cada caso.

Repositório de arquivos

VPS para repositório de arquivos


Na contratação de repositório de arquivos, mais importante do que a capacidade de processamento ou memória RAM é o espaço de armazenamento. Portanto, o tamanho da soma dos arquivos que você deseja armazenar (ou uma estimativa) deve ser o guia para escolher o melhor VPS para repositório de arquivos.

Dependendo da quantidade de pessoas acessando o repositório para baixar arquivos, leve em consideração também a transferência mensal oferecida pelo plano.

Revenda de hospedagem

VPS para revenda de hospedagem


Se você deseja contratar um VPS para ser usado como revenda de hospedagem, dê uma atenção especial ao painel de controle disponível no plano. Uma opção bem popular em revendas é o painel WHM, que possui ferramentas prontas para a criação de subcontas de hospedagem, todas com o painel de controle cPanel.

Avalie também se o plano permite revenda e se outros recursos para essa finalidade estão incluídos, como SSL gratuito para seus clientes e a integração com serviços de registro de domínio.

 

Hospedagem de sites

VPS para hospedar sites


Se o objetivo é usar o VPS para hospedar um site já existente e que necessita de um upgrade, então uma avaliação do consumo de recursos atuais pode ajudar bastante. Com essas informações você poderá dimensionar o upgrade necessário e encontrar a melhor VPS para o seu site. Analise principalmente o consumo de memória e CPU do site atual em momentos de pico e considere o crescimento deste uso ao longo do tempo. Se você estiver inseguro sobre o consumo de recursos do seu site, peça ajuda a um profissional ou ao seu provedor de hospedagem.

Servidor de envio de e-mail marketing

VPS para enviar e-mail marketing


Ao escolher o melhor VPS para envio de e-mail marketing, deve-se observar o limite de envio de e-mails por hora. Geralmente este limite é definido pela empresa de hospedagem e pode ser maior ou menor de acordo com o plano escolhido. Se você pretende enviar uma grande quantidade de e-mails, mas não quer gastar muito, faça um cálculo do limite por hora e descubra em quanto tempo você finalizaria um disparo para o total da sua base. É possível enviar grandes quantidades de e-mail realizando o envio em blocos, sempre dentro do limite de envio por hora permitido.

Servidor de jogos

VPS para jogos

Antes de escolher um VPS para criar um servidor de jogos, é necessário levantar algumas informações. Primeiramente, verifique os pré-requisitos do jogo em questão e sua compatibilidade com o VPS. Alguns jogos, por exemplo, necessitam de um sistema operacional específico. Nesse caso, verifique se o melhor VPS possui o SO exigido.

Outro ponto importante para jogos é a latência do servidor. Latência é o tempo que o servidor leva para responder a uma solicitação. A localização geográfica do servidor possui um papel importante nesse caso. O melhor servidor VPS deve estar próximo de seus usuários. No caso do Brasil, servidores no país podem ser ideais, mas também é comum a utilização de servidores nos Estados Unidos, por serem mais baratos e não apresentarem uma latência significativa.

Por último, mas não menos importante, é a necessidade de levantar a quantidade de memória e espaço necessários para rodar o jogo. No caso de multi-players, dependendo da quantidade de jogadores, isso pode exigir mais recursos do VPS. Portanto, é sempre bom ter alguma capacidade de processamento, memória e espaço sobrando, para não rodar no limite da VPS.

Quais recursos avaliar em um servidor VPS

Para contratar o melhor VPS para o seu projeto, é preciso conhecer e analisar os recursos oferecidos pelos planos. Conheça os principais abaixo:

Melhor VPS - Como escolher

Unidade de processamento (CPU ou vCPU)

Refere-se ao processador do VPS. É como o processador do computador, mas no caso do VPS, esta não é a capacidade total da máquina, já que ela é dividida com outros clientes. Como se trata de um processamento virtualizado, é comum encontrar a representação vCPU para indicar a capacidade de processamento do VPS. A letra minúscula “v” indica que se trata de uma unidade de processamento virtual. O valor é sempre uma frequência numérica, como por exemplo 2,4 GHz (Gigahertz).

Core ou núcleo

Refere-se à quantidade de núcleos de processamento (CPU). Assim como um computador pessoal, servidores também contam com mais de um núcleo de processamento.

Memória RAM

Quantidade de memória RAM disponível no VPS. Refere-se ao armazenamento temporário e está diretamente ligado ao desempenho do servidor. Algumas empresas exibem um segundo valor para memória RAM, indicada como “burst RAM”. Esta memória indica um valor maior do que a RAM declarada no VPS, geralmente o dobro. Trata-se de uma memória que pode ser usada, caso necessário, mas apenas se estiver sobrando no servidor principal.

Armazenamento

Espaço disponível para armazenamento permanente de arquivos. É encontrado em duas modalidades: HDD, referente ao tradicional disco rígido (HD), e SSD, referente à unidade de estado sólido. Os melhores servidores VPS utilizam a tecnologia SSD, que oferece mais velocidade de leitura e escrita quando comparada com os HDs tradicionais.

Tráfego ou transferência (ou “largura de banda”)

Refere-se à quantidade de dados que podem ser transferidos, isto é, enviados ou baixados do servidor, no período de 1 mês. Tráfego e transferência são sinônimos. É possível encontrar, ainda, o termo “largura de banda” ou “bandwidth”, usado por algumas empresas para se referir ao tráfego mensal.

IP dedicado

Refere-se a um endereço de IP fixo e exclusivo para o VPS contratado. Pode ser necessário para configurar recursos específicos, como nameservers personalizados ou acessos de aplicações de terceiros. Todos os planos listados neste ranking de melhor VPS incluem ao menos 1 IP dedicado gratuito.

Painel de controle

cPanel e Plesk para VPS

Sistema acessado através do navegador para gerenciamento do VPS. Disponível apenas em VPSs gerenciados. Os painéis de controle mais comuns são o cPanel e o Plesk. Algumas empresas também oferecem painéis próprios, desenvolvidos por elas mesmas, para o gerenciamento de seus planos de VPS.

Sistema operacional

Como o nome sugere, refere-se ao sistema operacional do servidor virtual privado. As opções incluem diversas distribuições Linux (ex.: Ubuntu, CentOs e outros) ou versões do Windows Server.

Gerenciamento do servidor VPS

Os planos VPS oferecem diferentes níveis de gerenciamento. Há planos em que o cliente fica responsável por todo (ou quase todo) o gerenciamento do servidor. Eles são comumente chamados de VPS “autogerenciado”, “não gerenciado” ou “semi-gerenciado”. E há planos em que a empresa fornece todo o gerenciamento. Este tipo de plano é conhecido como “VPS gerenciado”.

Nas modalidades da primeira categoria, o VPS costuma possuir algum tipo de administração por parte da empresa, como o monitoramento da rede e do host (servidor). A administração total, no entanto, continua sendo de responsabilidade do cliente.

O VPS gerenciado é a modalidade mais oferecida pelas principais empresas de hospedagem, pois são mais populares e fáceis de administrar. Este ranking de melhor VPS, por exemplo, compara os planos VPS dessa categoria. No entanto, muitas também possuem planos sem gerenciamento, que inclusive são mais baratos.

Veja as principais diferenças entre os dois tipos de VPS e descubra qual o melhor VPS para você:

VPS gerenciadoVPS não gerenciado ou com gerenciamento parcial
A empresa realiza todas as atualizações e correções necessárias no servidor, como atualização de sistema operacional e correções de bugs.O cliente fica responsável pelas atualizações e correções do sistema, sem nenhuma interferência ou responsabilidade da empresa que disponibiliza o serviço.
A empresa monitora a rede, o servidor host e o contêiner (VPS). Muitas ainda fornecem serviços adicionais, como a realização de backups periódicos e a instalação gratuita de certificado SSL.A empresa monitora a rede e o servidor host, mas o monitoramento do VPS é de responsabilidade do cliente, assim como a realização de backups e a instalação de certificados SSL, entre outros.
A administração do servidor é feita através de um painel de controle robusto, podendo ser o cPanel, o Plesk ou um painel próprio da empresa de hospedagem.Entregue sem nenhuma interface de gerenciamento. Sua administração é realizada através de acesso shell/ssh (linha de comando), em servidores Linux, ou RDP (protocolo de acesso remoto), no caso de servidores Windows.
Exige menos conhecimento técnico, sendo ideal para quem não deseja lidar com o gerenciamento do servidor.Exigem um conhecimento técnico maior por parte do usuário.
Costumam ser mais caros, pois contam com gerenciamento e painel de controle.Geralmente são mais baratos do que a modalidade gerenciada.

Outros pontos importantes para escolher o melhor VPS

Suporte técnico

Suporte técnico para o VPS

O suporte técnico está presente na maioria dos serviços de hospedagem de sites. No entanto, quando falamos de VPS, esse assunto merece uma atenção especial. Isso porque o suporte técnico pode ser bastante limitado em muitos casos.

Em servidores não gerenciados ou com gerenciamento parcial, por exemplo, o escopo do suporte vai apenas até o ponto de garantir que o servidor físico está operando. Em casos como esse, problemas relacionados ao sistema operacional de seu VPS podem não ser cobertos pelo suporte, ficando ao cargo do cliente realizar eventuais correções.

Servidores VPS gerenciados oferecem algum nível de suporte, com um escopo mais abrangente e que pode envolver o funcionamento da VPS.

Existem ainda casos em que a empresa oferece um suporte premium – cobrado à parte – que pode entrar no nível das configurações avançadas do VPS, em geral não cobertos pelo escopo tradicional do suporte.

Alguns dos melhores servidores VPS são oferecidos nas duas modalidades de gerenciamento. Portanto, dependendo do conhecimento técnico de quem vai operar o VPS, um escopo um pouco mais abrangente pode ser muito bem-vindo.

Backups

A realização de backups, isto é, cópias de segurança, é uma boa prática em qualquer ambiente digital que contenha dados importantes. Ao contratar um plano de VPS, verifique se o mesmo inclui algum tipo de rotina de backups. Muitos não incluem este extra, deixando os backups a cargo do cliente. Portanto, avalie o quão confortável você está com a realização de backups por conta própria e, se necessário, procure por um plano que já inclua o serviço.

Localização do servidor

A localização geográfica do servidor está diretamente relacionada ao tempo de resposta de todas as solicitações enviadas para o VPS. Ao tempo de resposta dá-se o nome de latência. Servidores localizados em outros continentes, como a Europa ou a Ásia, possuem uma latência mais elevada do que servidores localizados no Brasil ou nos Estados Unidos. Da mesma forma, há uma diferença de latência do Brasil para os Estados Unidos, no entanto, esta diferença pode ser imperceptível em muitos casos.

Se um tempo de resposta baixo for uma condição importante, então o melhor VPS será aquele que tenha um servidor mais próximo dos visitantes do seu site ou aplicação.

Provisionamento

Provisionamento é o nome dado ao setup inicial de um servidor, isto é, o processo que envolve a preparação e a entrega de um servidor para o cliente final. Esta nomenclatura também é usada em momentos de upgrade ou de aumento de recursos da máquina virtual.

Este processo geralmente envolve a definição das características do servidor, a instalação dos softwares necessários e pode também incluir outros aspectos, como a associação de um IP à máquina virtual. No caso dos melhores servidores VPS, geralmente o processo é automatizado, iniciando-se a partir da confirmação do pagamento e indo até a disponibilização do ambiente, pronto para uso pelo cliente.

Em muitos casos o provisionamento leva apenas alguns minutos, mas é comum encontrar empresas que pedem até 24 horas para disponibilizar o VPS para o cliente. Portanto, se você tem urgência na utilização do serviço, verifique com a empresa em quanto tempo após a contratação o servidor estará pronto para uso.

Moeda e formas de pagamentos

Quando falamos de hospedagem de sites, o universo de empresas e possibilidades não se restringe ao Brasil. Muito pelo contrário. É possível e viável encontrar ofertas dos melhores VPSs fora do país.

Por esse motivo, é importante ficar atento à moeda usada pela empresa que se pretende contratar o VPS. Em geral, empresas fora do Brasil aceitam pagamentos em dólar, mas é comum encontrar empresas cobrando em outras moedas, como o Euro nos países da Europa.

Outro ponto importante diz respeito às formas de pagamento. No Brasil, a maioria das empresas aceita pagamentos através de boleto bancário, mas este é um método de pagamento exclusivamente brasileiro. Em outros países, a forma mais comum é o cartão de crédito (internacional), e em alguns casos, PayPal e até mesmo criptomoedas, como o BitCoin e similares.

Conclusão sobre os melhores servidores VPS

Como vimos, há muitas opções de VPS no mercado, com recursos variados e diferentes modalidades. Para encontrar o melhor VPS para você, é fundamental conhecer as necessidades do seu projeto e as opções oferecidas no mercado, para então tomar uma decisão segura.

Esperamos ter fornecido todas as informações que você precisa, mas caso tenha dúvidas, entre em contato conosco e faremos o possível para ajudar você.

Atualizado em 10 de setembro de 2019