O que é memória RAM em hospedagem e para que serve

O que é memória RAM

O serviço de hospedagem de sites possui muitos recursos semelhantes aos encontrados em computadores pessoais. Entre eles, podemos destacar espaço em disco, processamento e memória RAM.

Neste artigo, vamos tratar exclusivamente da memória RAM e suas aplicações no universo da hospedagem de sites. Vamos entender o que é, para que serve e a forma como as empresas disponibilizam esse recurso para seus clientes. Além disso, você entenderá que diferença faz ter mais ou menos memória em sua hospedagem.

Fique conosco e descubra!

O que é a Memória RAM

Um servidor de hospedagem é um computador, mas com recursos dedicados à tarefa de hospedar e disponibilizar sites na internet. Assim como em um computador pessoal, um servidor também possui uma quantidade determinada de memória RAM.

A memória RAM é a responsável por armazenar e disponibilizar, temporariamente, todos os dados necessários para rodar um programa ou aplicação. Os dados armazenados na memória RAM são perdidos sempre que o servidor é reiniciado, ou quando a aplicação é encerrada. Para que eles sejam armazenados de forma prolongada, por tempo indeterminado, os dados devem ser gravados em um disco rígido, ou HD. Dessa forma, eles são levados para a memória apenas quando necessário.

A sigla RAM é o acrônimo para Random Access Memory, que em português significa Memória de Acesso Aleatório. Isso significa que os dados são armazenados aleatoriamente na placa de memória, para acesso não-sequencial, ao contrário do que ocorre em um HD. Por essa característica, os dados podem ser acessados mais rapidamente quando estão na memória, em comparação com a velocidade de acesso das informações gravadas em um HD.

A memória RAM é como uma bancada de trabalho

Memória RAM e a bancada de trabalho

Para facilitar o entendimento, vamos comparar o funcionamento de um computador com o de uma cozinha. Vamos supor que se queira fazer um bolo. Para isso, precisaremos pegar os utensílios que serão usados na preparação do bolo, como bacia, batedeira, colher de pau, enfim, todo o instrumental necessário para a preparação do bolo. Da mesma forma, também precisaremos ter à mão os ingredientes que constam na receita do nosso bolo, como farinha, açúcar, fermento, ovos etc.

Após reunir todo o aparato necessário, utensílios e ingredientes, precisaremos de uma bancada ou mesa para a preparação do bolo. Vamos levar todo esse material para a bancada e usá-lo durante a preparação da receita. Depois da preparação, tudo voltará para seu lugar. Os utensílios serão guardados no armário e os ingredientes que não foram usados voltam para a despensa.

Nesta analogia, a memória RAM seria a bancada de trabalho. Ela é usada temporariamente e contém todo o material necessário para realização da tarefa em questão. Indo além, o armário e a despensa seriam o disco rígido, onde as informações estão armazenadas. E o cozinheiro seria o processador, que é o responsável por escolher e mover as informações do disco para a memória, e fazer tudo acontecer.

Para que serve a memória em um servidor de hospedagem

Como vimos, o papel da memória em um computador é deixar à mão todos os arquivos e dados necessários para determinada aplicação funcionar. Ao abrir um arquivo de texto em um editor como o Word, por exemplo, o programa é carregado para a memória RAM, juntamente com as informações gravadas no arquivo em questão. Ao editar o texto, as modificações vão sendo gravadas temporariamente na memória RAM, mas somente são armazenadas no disco rígido quando se clica na opção “Salvar”.

Processo semelhante ocorre em um servidor de hospedagem. Ao utilizar um CMS como o WordPress, por exemplo, o servidor carrega o serviço na memória e o deixa pronto para ser usado. Quando alguém visita o seu site, as informações que estão na memória são usadas. Um CMS também consome memória para tarefas de gerenciamento, como editar um post, instalar um tema ou plugin, fazer download e upload, entre outras atividades.

Se por acaso alguma informação solicitada não estiver disponível na memória RAM do servidor, ela será solicitada e localizada no HD pelo processador, e levada para a memória RAM, para que possa ser usada.

Que diferença faz ter mais memória na sua hospedagem

Como vimos anteriormente, a memória é usada para disponibilizar os dados necessários para o funcionamento de uma aplicação. Logo, podemos deduzir que quanto maior a quantidade de memória RAM em um servidor, maior será a capacidade de disponibilização de dados.

É exatamente essa a diferença entre um servidor com pouca memória e um com muita: a capacidade de fornecer informações. Em momentos de pico de tráfego, quando muitos usuários estão navegando no seu site, mais memória será exigida. Se o seu site não possuir a quantidade de memória compatível com o tráfego, poderá ficar lento ou até mesmo inoperante.

Em resumo, quanto mais memória na sua hospedagem, maior será a capacidade do servidor de realizar tarefas simultâneas, como lidar com o aumento de tráfego no site.

Diferenças no uso de memória entre as empresas de hospedagem

As empresas de hospedagem tratam o uso de memória de maneira distinta nos planos de hospedagem que oferecem. Algumas limitam o uso de memória a uma quantidade fixa por cada cliente. Outras fazem essa limitação pelo percentual de uso da memória total do servidor.

Por essa razão, nem sempre é possível encontrar o quanto de memória está disponível em determinado plano de hospedagem. Enquanto alguns serviços de hospedagem declaram que oferecem XGB de memória RAM (ex.: 1 GB), outros informarão que o uso de memória não pode ultrapassar X% da memória total do servidor, em um espaço determinado de tempo. Neste cenário, para saber o quanto de memória você terá à disposição, será necessário saber o total de memória alocada naquele servidor de hospedagem, especificamente. Essa informação deve estar disponível no contrato de serviço ou na base de conhecimento da empresa.

Vale lembrar que essa é uma característica dos planos de hospedagem compartilhada. Em hospedagens VPS, Dedicada ou Cloud, a quantidade de memória está sempre especificada, podendo ser modificada, para mais ou para menos.

Conclusão

O uso de memória RAM em um servidor de hospedagem está diretamente ligado ao desempenho do servidor e pode impactar na capacidade de atender às requisições. Um site com muito tráfego vai precisar de mais memória do que um site com pouco tráfego.

Antes de escolher um plano de hospedagem, é interessante avaliar o quanto de memória RAM será necessária para o seu site. Se você já possui um site, é possível verificar o quanto de memória ele gasta atualmente e planejar o crescimento da audiência. Se o site ainda não existe, pode-se começar com pouca memória e fazer upgrades (de plano ou memória, dependendo da situação) ao longo do tempo.

Ficou com alguma dúvida? Possui algo a acrescentar? Deixe um comentário e teremos prazer em ajudá-lo!

↑ Ir para o topo

Por:

Tudo Sobre Hospedagem de Sites é um site independente e que se propõe a ser exatamente o que sugere seu nome: uma fonte de conhecimento relevante sobre o universo de hospedagem de sites.

Deixe um comentário

↑ Ir para o topo