Como criar um blog: 4 ferramentas incríveis (e gratuitas)

Como criar um blog

Quando queremos promover um produto ou serviço na internet, logo pensamos na produção de conteúdo. Vivemos um momento em que os consumidores cada vez mais baseiam suas decisões de compra em pesquisas feitas na internet.

Por esse motivo, qualquer empresa ou pessoa que deseja promover seu trabalho, precisa ter um local virtual para publicar conteúdos, sejam produtos, notícias, opiniões ou lançamentos. Enfim, tudo que for relacionado à sua área de atuação pode ser usado para a criação de conteúdo.

Muitos começam nas redes sociais, conquistando seguidores e por vezes oferecendo seus serviços por lá. No entanto, à medida que o tempo passa, torna-se necessário expandir a presença digital. E um dos caminhos, é criar um blog.

Por que criar um blog próprio

Ao criar um blog e começar a publicar conteúdo, o Google e os demais buscadores serão notificados da existência do mesmo. Se o seu blog tiver conteúdo novo e de qualidade sendo publicado com frequência, os buscadores passarão a incluir suas páginas nos resultados de busca. O que significa que seu blog começará a ser visitado por pessoas desconhecidas, mas que se interessam pelo que você está escrevendo. Em outras palavras, você começará a aparecer para potenciais clientes.

Uma das maiores vantagens de fazer um blog é passar a ser encontrado por possíveis clientes, mas a lista de benefícios não se resume a isso. Um blog também permitirá que você se torne uma autoridade no assunto que escreve, uma vez que poderá sanar dúvidas e ensinar o que quiser em seu novo espaço digital.

Ao criar um blog, você também estará abrindo espaço para que seus clientes se relacionem com sua marca. Esse relacionamento se dará principalmente através de comentários e do compartilhamento do conteúdo nas redes sociais.

Ferramentas para criar um blog

Agora que você já se convenceu de que vale a pena, vamos conhecer 4 maneiras muito fáceis de criar um blog. Neste artigo, vamos ver como montar um blog usando as seguintes plataformas:

  1. Blogger
  2. WordPress.com
  3. Criador de Sites
  4. WordPress instalado (nosso favorito)

#1 – Como criar um blog no Blogger

blogger logotipo

O Blogger, ou Blogspot, é uma das ferramentas para criação de blogs mais antigas da internet. Foi lançado em 1999 e se popularizou bastante pela facilidade de uso. Seu sucesso chamou a atenção da Google, que comprou a ferramenta em 2003 e a mantém até hoje.

Para criar o seu blog nessa ferramenta, que é gratuita, você precisa apenas ter uma conta Google. Para começar, acesse o endereço www.blogger.com, preencha alguns dados e então clique no botão “Novo Blog”. Você então será apresentado a uma tela na qual deverá informar o nome do blog, seu endereço (URL) e escolher um modelo (aparência) para o seu blog. Ao inserir o endereço desejado para o blog, o sistema vai indicar se o mesmo está disponível. Se estiver tudo certo, basta clicar no botão “Criar um blog”, e pronto!

criar um blog com o Blogger

Após a criação do blog você será direcionado para o painel de administração. Local onde poderá escrever seu primeiro post, publicar uma página, alterar a aparência do blog e visualizar estatísticas, entre outras coisas.

blogger painel de administração

Na área de configurações, também é possível inserir um domínio próprio, se você possuir um. Caso contrário, o endereço do blog terá o formato exemplonome.blogspot.com.

Para ver um passo a passo detalhado, confira nosso tutorial sobre como criar um blog no Blogger.

Custo do Blogger

O Blogger é uma ferramenta gratuita, portanto você poderá usá-lo eternamente sem pagar nada. Apenas no caso de você usar um domínio próprio, o mesmo deverá ser comprado à parte. O Blogger, no entanto, não vende domínios, ou seja, você deverá registrar o seu domínio em uma empresa que o faça e em seguida configurá-lo na ferramenta. Neste artigo nós ensinamos como configurar um domínio personalizado no Blogger.

Vantagens e desvantagens do Blogger

Vantagens:

  • Fácil de usar e configurar;
  • É gratuito;
  • Permite exibir anúncios, o que poderá lhe render algum dinheiro no futuro.

Desvantagens:

  • Não possui muitas opções de tema/aparência;
  • Seus recursos de customização são limitados.

Ir para o Blogger

#2 – Como criar um blog no WordPress.com

O WordPress é uma das plataformas para blogs mais populares da atualidade, estando presente em mais de 30% da internet mundial, segundo afirmam seus criadores.

wordpress logo

A ferramenta está disponível em duas modalidades: o modo hospedado gratuitamente em WordPress.com e o auto-hospedado (WordPress.org), disponível gratuitamente para ser instalado e usado por qualquer pessoa, bastando para isso uma hospedagem.

Montar um blog no WordPress.com é semelhante a fazê-lo no Blogger. Nesse caso, você precisa acessar wordpress.com e seguir as instruções, como veremos abaixo.

wordpress.com

Ao clicar no botão “Criar site“, você será direcionado para uma tela onde poderá escolher a aparência de seu blog, antes mesmo de realizar qualquer cadastro. Não se preocupe, a aparência poderá ser alterada posteriormente, se desejar.

wordpress.com criar um blog

Definindo um domínio para o seu blog

No segundo passo, você deverá definir um domínio para o seu blog. Assim como no Blogger, você poderá utilizar um endereço gratuito, que obrigatoriamente adiciona a extensão wordpress.com ao seu endereço. Nesse caso, a URL será parecida com meublog.wordpress.com.

Você também poderá, ao invés disso, registrar um domínio diretamente na ferramenta ou inserir um domínio que já possua. Para inserir um domínio próprio no WordPress.com você precisa contratar um plano pago, que custa a partir de R$ 10 por mês. Com ele, no entanto, você ganha o 1º ano do domínio gratuitamente.

wordpress.com criar um blog - passo 02

Escolhendo um plano

Após escolher o domínio, você deverá indicar o plano que deseja utilizar, entre 6 opções disponíveis: Gratuito, Blogger, Pessoal, Premium, Negócios e eCommerce.

No modo gratuito você fica com o domínio restrito a um subdomínio do WordPress (ex: meublog.wordpress.com) e também aos temas gratuitos disponíveis. Além disso, seu blog exibirá anúncios do WordPress.com (sem possibilidade de monetização) e terá espaço de utilização restrito a 3GB. Já os planos pagos oferecem espaço adicional, temas superiores e suporte técnico, entre outros recursos.

Veja abaixo um resumo dos planos oferecidos pelo WordPress.com:

Recursos Gratuito Blogger Pessoal Premium Negócios eCommerce
Preço/mês
(cobrado anualmente)
R$ 0 R$ 10 R$ 15 R$ 26 R$ 83 R$ 149
Domínio
Personalizado
não sim sim sim sim sim
Domínio
gratuito 1º ano
não .blog sim sim sim sim
Suporte
via chat e e-mail
não E-mail sim sim sim sim
Armazenamento 3 GB 6 GB 6 GB 13 GB Ilimitado Ilimitado
Personalização
de design
não Básica Básica Avançada Avançada Avançada
Temas Premium
ilimitados
não não não sim sim sim
Remoção de anúncios
do WordPress.com
não sim sim sim sim sim
Pagamentos simples não não não sim sim sim
Monetização
do site
não não não sim sim sim
Ferramentas
de SEO
não não não não sim sim
Integração
Google Analytics
não não não não sim sim
Instalação
de Plugins
não não não não sim sim
Envio de temas
personalizados
não não não não sim sim
Funções de
e-commerce
não não não não não sim
  Visitar Visitar Visitar Visitar Visitar Visitar

Crie uma conta

Após a escolha do plano, você será direcionado à etapa de criação da conta.

wordpress.com - criar uma conta

O plano escolhido poderá ser alterado posteriormente à criação da conta, o que é uma ótima opção para aqueles que desejam apenas testar e conhecer os recursos do WordPress, sem se comprometer com nenhum pagamento.

Depois de criar uma conta, você será levado ao painel de administração do seu novo blog e poderá começar a customizá-lo ou publicar seu primeiro post. Antes de fazer a publicação oficial do blog é necessário confirmar o e-mail usado na inscrição. Para isso, basta clicar no link de confirmação, que será enviado para o e-mail utilizado no cadastro.

wordpress.com - painel de administração

Custo do WordPress.com

Como vimos, o WordPress.com possui 5 planos distintos: desde o gratuito até o eCommerce, que custa R$ 149 por mês. Resgate descontos com cupons fornecidos pelo WordPress.com. Também é possível comprar um tema individual, independente do plano. Os temas são vendidos na área de edição de temas do painel e custam a partir de 24 dólares.

Vantagens e desvantagens do WordPress.com

Vantagens:

  • Fácil de usar e configurar;
  • Possui diversos temas, gratuitos e pagos;
  • Pode ser usado gratuitamente, com limitações;
  • Permite upgrades, pagos à parte.

Desvantagens:

  • Apesar de possuir mais opções de design do que o Blogger, os temas são limitados e as melhores opções são pagas;
  • Seus recursos de customização são limitados;
  • Recursos extras são pagos à parte, como uso de domínio próprio e outros serviços.

Saiba mais sobre o WordPress.com neste review feito pela nossa equipe.

Ir para o WordPress.com

#3 – Como criar blog no criador de sites

criador de sites

Apesar de não ser o foco principal, alguns criadores de sites incluem a funcionalidade de blog em suas plataformas. Este pode ser um recurso conveniente para quem já possui um site criado com a ferramenta ou para aqueles que desejam ter o blog com um recurso complementar ao site. Como, por exemplo, publicação de notícias e comunicados da empresa. Se este não for o seu caso, recomendamos a utilização de qualquer outra plataforma citada neste artigo.

É importante dizer que, o fato de você possuir um site feito com um criador de sites não o impede de montar um blog em outra plataforma. Se o objetivo do blog é ser um canal de captação de novos clientes a partir da produção de conteúdo, o ideal é investir em uma ferramenta de blog como o WordPress.

Custos de um Criador de Sites

Um criador de sites pode custar desde zero (no plano gratuito) até mais de R$ 100 por mês, dependendo das funcionalidades. Para muitos sites, no entanto, o custo de um criador de sites não chega a R$ 50 por mês.

Neste comparativo de criadores de sites nós reunimos as melhores ferramentas. Você pode comparar preços e recursos, e ter uma ideia melhor das possibilidades.

Vantagens e desvantagens de criar um blog em um Criador de Sites

Vantagens:

  • Fácil de usar e configurar;
  • Se você já possui um criador de sites, a integração é bem simples.

Desvantagens:

  • Em geral não é uma plataforma criada com o recurso blog como foco principal;
  • Os recursos de customização (do blog) são limitados;
  • Caso se queira migrar de plataforma, a exportação do conteúdo pode não ser possível;
  • Recursos extras são pagos à parte.

#4 – Criar um blog com o WordPress instalado (nossa preferência)

wordpress logo

Para aqueles que desejam ter um blog turbinado e com infinitas possibilidades de customização, o WordPress instalado é certamente a melhor opção. Com milhares de temas à disposição, é possível criar um blog de qualidade e preparado para futuras expansões e otimizações demandadas pelo crescimento do projeto ao longo do tempo.

Para relembrar, o WordPress instalado é um sistema de blogs gratuito e open source, disponibilizado em wordpress.org, um portal mantido pela comunidade de milhares de usuários e colaboradores da ferramenta.

Ao contrário da plataforma disponibilizada em WordPress.com, nesta versão o usuário fica responsável pela sua hospedagem e manutenção. Mas não sinta-se intimidado por essa questão, pois a maior parte das empresas de hospedagens de sites da atualidade disponibilizam instaladores automáticos do WordPress, o que faz com que sua instalação e atualização sejam tão fáceis quanto acessar o webmail.

wordPress.org

Portanto, a maneira mais rápida e fácil de utilizar a plataforma WordPress é contatar um serviço de hospedagem de sites que ofereça a instalação do WordPress. Algumas empresas foram além e oferecem planos especiais para WordPress, o que apenas confirma a popularidade e demanda pelo uso da ferramenta.

Custos de um blog WordPress instalado

É possível contratar uma hospedagem para o seu blog WordPress pagando bem pouco. A HostGator, por exemplo, oferece a instalação automática do WordPress em seus planos de hospedagem de sites. Os planos custam a partir de R$ 4,79 por mês nesta promoção especial. Se você desejar algo mais robusto e o idioma inglês não for um empecilho, a DreamHost oferece um plano para o WordPress por 5,78 dólares por mês.

Vantagens e desvantagens do WordPress instalado

Vantagens:

  • Fácil de instalar e configurar, se um instalador automático for utilizado;
  • Possui diversos temas, gratuitos e pagos;
  • O uso e atualização da plataforma são gratuitos;
  • Seu conteúdo pode ser exportado facilmente;
  • Possui uma infinidade de extensões (plugins) e temas, gratuitos e pagos.

Desvantagens:

  • Pode ser um pouco mais complicado de configurar, dependendo do recurso extra desejado;
  • Exige o uso de um serviço de hospedagem de sites.

Saiba mais sobre o WordPress

Conclusão

As quatro plataformas de criação de blog possuem pontos fortes e fracoscada uma é mais adequada para um objetivo. Em resumo, podemos sugerir o uso de cada plataforma de acordo com as condições abaixo:

Se você…

Independente da plataforma escolhida, não há como negar a importância de ter um blog na internet de hoje. Em muitos casos isso pode ser a diferença entre ter ou não um negócio de sucesso!

Possui algo a acrescentar ou quer tirar alguma dúvida? Deixe seu comentário e teremos prazer em ajudá-lo!

Tags:

Por:

Tudo Sobre Hospedagem de Sites é um site independente e que se propõe a ser exatamente o que sugere seu nome: uma fonte de conhecimento relevante sobre o universo de hospedagem de sites.

10 Comentários

  1. Vera Lúcia Rios

    Olá Tarhiana,

    Realmente. É muito difícil pra qualquer pessoa de fora, entender de verdade o que ocorreu.
    Mas, é isso aí!Também acho, como você disse:
    ‘talvez uma URL antiga tenha sobrescrito a versão mais recente’.
    Pra mim, esse seu palpite está mesmo certo.
    Era realmente, algo assim que eu suspeitava.

    Agora vejo que já deveria ter apagado… De qualquer forma, tomarei mais cuidado. Valeu a dica.

    Mas, por favor, será que você pode me explicar?
    Ainda não consegui entender bem essas linguagens:

    html-
    tag-
    meta tag-
    Google Search Console
    secão head-
    secão body

    https-
    acho que sei um pouco, mas gostaria muito de ver sua explicação;

    Sempre muito grata.
    Att.
    Vera

    Responder
    • Tathiana Sobroza
      Cofundadora - Tudo Sobre Hospedagem de Sites

      Legal, Vera! Sobre as suas dúvidas, adoraria explicar cada uma delas, mas são assuntos bastante extensos para um comentário. Temos um artigo no blog, mas apenas sobre HTML e Tags, no link: https://tudosobrehospedagemdesites.com.br/o-que-e-html/. Sobre os demais assuntos, minha sugestão é que faça uma pesquisa no Google, pois assim irá encontrar explicações detalhadas e melhores do que eu poderia explicar por aqui. 🙂

      Responder
      • Vera Lúcia Rios

        Obrigada Tathiana!
        Farei isso sim. Valeu a força!
        Só quero que saiba, que não vou te deixar.
        Você conquistou minha confiança.
        Assim como sei que vou sempre precisar da sua ajuda,
        sei também que,
        sempre poderei contar com você!
        Não sabe como agradeço a Deus por isso!
        Enfim, eu encontrei alguém assim, como você!
        Obrigada e que Deus te abençoe.
        Abraços
        VeraLúcia

        Responder
        • Tathiana Sobroza
          Cofundadora - Tudo Sobre Hospedagem de Sites

          Oi Vera, obrigada pelo carinho. É um prazer poder ajudar! 🙂
          Conte sempre que precisar!
          Um grande abraço.

  2. Vera Lúcia Rios

    Olá Tathiana,

    Só mais uma coisa:
    Depois disso, quando me conecto no google, abre logo o blogger sem artigo.
    Quando abro por aquela URL que estava meu artigo, aparece:
    ADICIONE UMA PROPRIEDADE
    Não verificado Verificar esta Propriedade:
    (ao abrir:)

    Falha na verificação para http://descubracomotocarviolao.blogspot.com.br/ usando o método Meta tag (25 minutos atrás). Sua metatag está incorreta. Você usa uma metatag de outro site ou conta de usuário?
    Mostrar meta tag encontrada
    LrdTUW9psUAMbh4Ia074-BPEVmcpBxF6Gwf0MSgQXZs
    Confirme sua propriedade de http://descubracomotocarviolao.blogspot.com.br/. Saiba mais.
    Método recomendado Métodos alternativos Histórico
    Recomendado: Tag HTML
    Adicionar uma metatag à página inicial de seu site.
    1. Copie a meta tag a seguir e cole-a na página inicial do seu site. Ela deve ser colocada na seção , antes da primeira seção .

    Mostre-me um exemplo
    2. Clique em Confirmar abaixo.
    Para continuar verificado, não remova a metatag, mesmo após a verificação bem-sucedida.

    VERIFICAR Agora não

    Obrigada.
    Abraço.

    Responder
    • Tathiana Sobroza
      Cofundadora - Tudo Sobre Hospedagem de Sites

      Vera, infelizmente não consigo avaliar o que está acontecendo com o seu Blogger, pois é muito difícil fazer um diagnóstico de fora. Essa mensagem parece estar na área de configurações do Blogger, onde você pode editar as meta tags e ativar o Google Search Console, mas não tenho certeza. Recomendo que pare de acessar URLs antigas e passe a navegar direto pelo painel do Blogger, assim você evita futuros erros. 😉

      Responder
  3. Vera Lúcia Rios

    Olá Tathiana,

    Agradeço muito a sua atenção e a sua força.

    Entendo o que você quis dizer, em ter que salvar…
    Mas, o post já estava salvo há muito tempo!

    É que quando estava criando o blogger, sem querer, fiz várias páginas, quero dizer: o mesmo blogger repetido…

    Bem, é que eu tenho a mania de ficar salvando a url. E então salvei de todo jeito, com post e sem post. Se é que você me entente.

    Nesse dia abrir a que tinha o artigo, e fiquei olhando outros ítens, como a configuração… Depois fui achar de abrir as outras (urls) que
    estão vazias, então quando voltei para a primeira, que procurei na postagem… Só aparece o título, (ao clicar nele, está completamente vazio).Sumiu! Desapareceu tudo que tinha escrito e colocado lá, na minha postagem.

    Bom, eu imagino que tenha sido isso, a não ser que houve algum outro engano… É possível, mas, creio que não.

    Sei que posso fazer outro, mas, gostaria muito de saber o que realmente aconteceu. É mesmo muito chata essa situação.

    Vou esperar mais uma resposta, pois creio na sua boa vontade e na sua competência… se não for possível neste caso, vou entender. Tudo bem.
    Obrigada mesmo! Continue fazendo sucesso e muita paz.
    Abraço.

    Responder
    • Tathiana Sobroza
      Cofundadora - Tudo Sobre Hospedagem de Sites

      Olá, Vera!
      É difícil afirmar o que realmente aconteceu, mas me chamou atenção você salvar várias URLs para consultar depois. Eu recomendaria que você sempre acessasse o seu blog pelo painel do Blogger, se a intenção é editar algum conteúdo ou realizar alguma configuração. Esta é uma maneira segura, que pode evitar problemas. Não sei o que ocorreu, mas talvez uma URL antiga tenha sobrescrito a versão mais recente, mas isso é só um palpite. Gostaria de poder ajudar mais, mas creio que somente uma pessoa do Blogger ou com acesso à sua conta poderia saber de fato o que aconteceu. De qualquer forma, acredito que com esses cuidados você não terá este problema novamente. Abraços! 🙂

      Responder
  4. Vera Lúcia Rios

    Olá, tudo bem?

    Estou com um problema. Já tentei de tudo e não consigo resolver.

    Bem, eu tenho um blogspot (não publicado, em fase de construção), cheguei a escrever um post.
    Ainda estava aprendendo, o artigo estava quase pronto.
    De repente, tudo que tinha escrito sumiu!
    Na postagem aparece o título do blog, mas, ao clicar, está vazio.

    Não sei mais o que fazer!
    Por favor! preciso saber o que aconteceu!
    Obrigada.

    Responder
    • Tathiana Sobroza
      Cofundadora - Tudo Sobre Hospedagem de Sites

      Olá, Vera!
      Se você abriu a postagem, e ela está vazia, infelizmente tudo indica que você perdeu o conteúdo que escreveu. O Blogger até salva as postagens, mesmo quando você fecha sem salvar, mas ele avisa que algumas alterações poderão ser perdidas. Minha sugestão é que sempre clique em salvar enquanto escreve seu post, assim não corre o risco de perder o conteúdo. Perder um post é muito chato, mas não desanime! O próximo post será ainda melhor. 🙂

      Responder

Deixe um comentário

Todos os comentários são moderados. Então, seu comentário não será exibido imediatamente após o envio.
Mas fique tranquilo(a), porque ele será respondido em breve. 😉