Hospedagem WordPress: Ranking 2017

Buscando uma hospedagem para seu site WordPress? Conheça as empresas que oferecem hospedagem WordPress e que estão entre as melhores do Brasil e do mundo, oferecendo recursos especiais e ambientes customizados para quem usa esta famosa plataforma de criação de sites.

# Empresa Destaques Espaço Visitas/mês E-mail Preço inicial* Link
1 DreamHost Recomendado por WordPress.org
100% uptime
97 dias de garantia de reembolso
Ilimitado Ilimitadas de 7,95 por
5,78
Economize 40%
Visitar Site
2 KingHost Servidor no Brasil
7 dias de garantia de reembolso
Migração gratuita
15 GB+ 25.000+ de 49,50 por
17
Visitar Site
3 HostGator Domínio grátis no plano anual
CDN em todos os planos
Planos para até 20 sites
50 GB
(total)
25.000+ 19,99 Visitar Site
4 GoDaddy Domínio grátis no plano anual
Plugins e temas gratuitos
Ferramenta de migração
10 GB+ 25.000+ 16,99 Visitar Site
5 SiteGround Recomendado por WordPress.org
30 dias de garantia de reembolso
Migração gratuita
10 GB+ 10.000+ de 9,95 por
3,95
Visitar Site
6 InMotion Hosting Domínio grátis no plano anual
90 dias de garantia de reembolso
Migração gratuita
Ilimitado Ilimitadas de 7,99 por
5,99
Visitar Site
7 Bluehost Recomendado por WordPress.org
30 dias de garantia de reembolso
Para sites com muito tráfego
30 GB+ 100 milhões+ 19,99 Visitar Site
8 Media Temple Ferramentas para desenvolvedores
Temas WP profissionais
Plano inicial permite 2 sites
50 GB+ 250.000+ 20
2 meses grátis
Visitar Site
9 WP Engine 60 dias de garantia de reembolso
Plugin de migração automática
Planos com opções robustas
10 GB+ 25.000+ 29 Visitar Site

↓ Hospedagens de sites mais baratas e compatíveis com WordPress ↓

10 HostGator Excelente custo-benefício
Uma das maiores do Brasil
Menor preço na renovação
100 GB+ Ilimitado de 11,99 por
7,19
Economize 40%
Visitar Site
11 Locaweb Líder em hospedagem no Brasil,
com recursos generosos
Domínio grátis no plano anual
Ilimitado Ilimitadas de 35,90 por
12,90
Visitar Site
12 UOL Host Servidor no Brasil
E-mail espaçoso
Domínio grátis no plano anual
10 GB+ Ilimitadas de 17,90 por
9,90
Economize 45%
Visitar Site

*Valor equivalente mensal na contratação do ciclo de pagamento mais longo do plano de hospedagem de sites.
**As informações contidas nesta página foram retiradas dos sites das empresas de hospedagem, por isso podem sofrer atualizações sem aviso prévio.

Conheça as melhores Hospedagens WordPress do nosso ranking

As empresas a seguir foram escolhidas como os melhores planos de hospedagem WordPress. Dentre os critérios utilizados para elegê-las, podemos dizer que elas reúnem uma ótima combinação de recursos para o WordPress e também qualidade e preço.

DreamHost logo
A DreamHost é considerada por nossa equipe a melhor hospedagem WordPress. A empresa oferece uma excelente infraestrutura, com discos SSD e SSL gratuito, a preços acessíveis. A DreamHost é indicada pelo WordPress.org. Ela oferece dois planos distintos para o WordPress: uma opção compartilhada (shared), que custa a partir de US$ 5,78, e um VPS, chamado de DreamPress, que começa em US$ 16,95 por mês e é uma ótima opção para sites mais robustos. Há, ainda, garantia de 100% de uptime e 97 dias de reembolso.

visitar site

KingHost logo
A KingHost é a melhor Hospedagem WordPress para quem procura servidor no Brasil e suporte em português. Esta empresa brasileira é pioneira quando o assunto é hospedagem WordPress. Ela possui três data centers no Brasil, todos equipados com discos SSD de alta capacidade. Assim como a DreamHost, também oferece planos com SSL gratuito. Os planos promocionais custam a partir de R$ 17 mensais. A Hospedagem WordPress da KingHost foi testada e aprovada por nossa equipe, cuja análise completa pode ser lida neste link.

visitar site

Hostgator hospedagem WordPress
A HostGator possui planos de Hospedagem WordPress com opções que vão do básico ao muito robusto. Os planos da HostGator para WordPress oferecem recursos extras, como backups diários e controle de versão via CodeGuard, sendo possível restaurar facilmente o site para estados anteriores. Outro produto da empresa, o SiteLock, responsável por fornecer segurança extra e CDN, também está disponível nos planos WordPress. Nossa equipe testou o serviço e a análise completa pode ser lida neste link. A partir de R$ 19 por mês.

visitar site


É importante dizer que não existe uma hospedagem perfeita, pois cada empresa tem seus pontos fortes e fracos, e isso pode se modificar com o tempo. É por isso que nosso ranking pondera vários aspectos para classificar as melhores hospedagens WordPress, como recursos, custo-benefício, suporte e preço.

Diferenciais de uma Hospedagem WordPress

Diferenciais hospedagem WordPress

Quando falamos o termo Hospedagem WordPress, estamos nos referindo a um tipo de hospedagem especial, que é diferente das hospedagens de sites tradicionais. Por isso, ao pesquisar sobre este tipo de serviço, vamos encontrar recursos diferenciados, que muitas vezes não estão presentes em outros tipos de hospedagem. Nem todos os recursos que listaremos a seguir estão presentes em todas as empresas que oferecem o serviço, mas a maioria deles está.

Ambiente otimizado para o WordPress

Ambiente otimizado para o WordPressEm uma hospedagem WordPress, como apenas sites que utilizam esta plataforma serão hospedados, é possível pensar em recursos que favorecem o uso do CMS. Em um ambiente de hospedagem compartilhado, as empresas precisam oferecer configurações que atendam a um grande número de tipos de sites e tecnologias. Por isso, nem sempre encontramos o ambiente de hospedagem ideal para o WordPress, apesar de ser possível usá-lo na maioria das hospedagens compartilhadas.

Entre os recursos especiais, podemos encontrar discos SSD, mais memória e processamento (em comparação com uma hospedagem comum), sistemas de cache no servidor, PHP 7 e muitos outros. Ao escolher entre mais de uma empresa que ofereça o serviço de Hospedagem WordPress, compare os diferenciais para a plataforma.

Atualizações automáticas

Atualizações automáticasEste item é praticamente unanimidade entre as empresas que oferecem Hospedagem WordPress. Neste tipo de plano, as atualizações de versão do WordPress e dos plugins são feitas automaticamente. O WordPress já realiza atualizações de segurança automaticamente há algum tempo. No entanto, as atualizações de versão, aquelas que trazem melhorias e novos recursos, ficam a cargo do usuário na maioria das vezes. O mesmo vale para os plugins e temas, que eventualmente recebem atualizações.

É de se esperar, portanto, que as atualizações do core do WordPress (versões e manutenção), plugins e temas sejam realizadas automaticamente em um serviço dedicado à plataforma. Se este recurso não estiver habilitado por padrão, ele deve ser pelo menos oferecido como um opcional.

Vale lembrar que novas versões da plataforma são lançadas com frequência. Mais precisamente, a cada quatro meses. Atualizações menores, de correções de bugs e segurança, são lançadas com um intervalo menor do que este.

Acesso a temas e plugins premium

Plugins premiumEste recurso não é tão comum neste tipo de plano, sendo encontrado em apenas algumas empresas. Trata-se da oferta de temas e plugins exclusivos, que podem ser utilizados gratuitamente pelos clientes do plano.

O WordPress possui um mercado muito grande de empresas e profissionais criando temas e plugins para a plataforma. Existem diversos sites especializados em comercializar este tipo de solução. Por ser uma ferramenta de código aberto (open source), o WordPress é um campo fértil para o desenvolvimento de extensões de funcionalidades, como o oferecido por temas e plugins adicionais.

Tendo isso em mente, muitas empresas adicionam este tipo de recurso como um diferencial em seus planos de Hospedagem WordPress.

Backups regulares

Backups regularesFazer backups regulares de um site é algo muito importante, principalmente para sites e blogs que publicam conteúdo com frequência. Caso algum imprevisto ocorra, ter ou não ter um backup pode ser a tragédia ou a salvação do seu trabalho.

Muitas empresas de hospedagem realizam backups dos sites nela hospedados, regularmente. No entanto, em hospedagens compartilhadas, a rotina de backups nem sempre possui o intervalo de dias ideal para cobrir publicações frequentes. Assim, as melhores hospedagens WordPress oferecem uma rotina de backups mais frequente para atender à demanda de sites e blogs nesta plataforma. Em muitos casos o backup é feito diariamente. Nestas empresas, também é possível encontrar a possibilidade de rodar backups a qualquer momento, se esta for uma necessidade.

Controle de versão

Controle de versãoO controle de versão é um recurso muito interessante que é disponibilizado por algumas empresas em planos de hospedagem WordPress especiais. Trata-se de um recurso que permite desfazer alterações no site e/ou voltar a estados anteriores. Ele pode ser bastante útil se você estiver testando novas funcionalidades, através do uso de plugins e temas, ou customizando/alterando o tema atual.

Para os desenvolvedores, é como usar um sistema como o Git para controlar as alterações do site, mas de maneira bem mais simples. Nesse caso, o controle é feito através de um painel amigável ao usuário, nada parecido com o terminal de linha de comandos.

Este controle de alterações pode incluir o banco de dados, algo que não ocorre em sistemas de versionamento de código, como é o caso do Git.

Segurança extra

Segurança extraO WordPress pode ser alvo de ataques e tentativas de invasão. Ataques direcionados ao WordPress geralmente são automatizados e não são dirigidos a um site específico. Esse tipo de ação pode ser motivado por hackers e pessoas mal intencionadas com o objetivo de inserir conteúdo sem autorização em um site WordPress ou roubar informações dos usuários, entre outros motivos.

Seja qual for o tipo de tentativa de invasão, existem boas práticas e medidas de segurança que podem ser tomadas para aumentar a segurança do WordPress. Assim, alguns planos de Hospedagem WordPress consideram estas questões e oferecem itens de segurança por padrão em todas as contas. Entre os itens oferecidos, podemos citar prevenção a ataques e tentativas de invasão, escaneamento do site em busca de vírus e malware, entre outros.

Suporte especializado

Suporte especializado em WordPressMuitas empresas de hospedagem de sites oferecem suporte técnico 24 horas por dia. Este suporte é destinado a ajudar os clientes com possíveis problemas de configuração no servidor de hospedagem e assuntos relacionados. No entanto, não é possível contar com ajuda para nenhum problema que não esteja relacionado diretamente à hospedagem, como configurações do site ou da aplicação.

Na Hospedagem WordPress esse cenário é diferente. É comum encontrar suporte especializado na plataforma, pronto para ajudá-lo com questões fora do escopo da hospedagem, como configurações do WordPress, customizações e instalação de temas e plugins. Este aspecto do serviço pode ser uma grande vantagem para muitos clientes, principalmente para aqueles que não possuem conhecimento técnico em desenvolvimento e programação.

Recursos encontrados na Hospedagem WordPress

Recursos hospedagem WordPress

Os recursos que veremos a seguir são encontrados em qualquer tipo de hospedagem de site. No entanto, planos exclusivos de hospedagem para WordPress podem trazer recursos superiores aos oferecidos em planos tradicionais de hospedagem de sites compartilhada.

Espaço de armazenamento

O espaço de armazenamento, também chamado de espaço em disco, é o espaço destinado ao armazenamento de arquivos no servidor de hospedagem. No caso do WordPress, isso inclui o código-fonte , arquivos da biblioteca de mídia, como imagens, vídeos e qualquer arquivo enviado para o servidor através do WordPress. Também pode entrar nessa conta o espaço utilizado pelo banco de dados do WordPress e pelos e-mails, caso o plano ofereça o serviço.

Armazenamento da hospedagemEm hospedagens WordPress, geralmente este espaço é mais do que adequado para armazenar todas as imagens e arquivos que são publicados em um site. No entanto, sites com publicações frequentes e/ou que fazem uso de muitas imagens devem ficar atentos quanto ao espaço disponível, avaliando se ele será suficiente para acompanhar o crescimento do site.

Uma questão importante, quanto às imagens enviadas para o WordPress, é que, a cada upload o WordPress gera novas versões da mesma imagem, recortadas em tamanhos diferentes da original. Assim, o usuário pode escolher qual tamanho deseja utilizar para inserir no site. Os recortes gerados pelo WordPress também contarão para consumir espaço de armazenamento.

Outro aspecto importante diz respeito ao armazenamento de vídeos e arquivos de áudio. Os arquivos dessa natureza ocupam muito mais espaço de armazenamento do que imagens e fotos. Por isso, é recomendado, na maioria dos casos, que este tipo de arquivo seja armazenado externamente, em redes como o YouTube, e publicado no site através da inserção do código embed.

Memória

De maneira simplificada, podemos dizer que a memória RAM é responsável por armazenar temporariamente os arquivos necessários para exibir as páginas do site. Cada vez que alguém visita um site, o servidor carrega tudo o que é necessário para atender à requisição do usuário na memória RAM. Por isso, a memória RAM tem um papel fundamental no desempenho de um site.

Os serviços de hospedagem compartilhada geralmente disponibilizam uma quantidade não muito grande de memória para cada usuário. Assim, um site com muitas visitas simultâneas pode ficar lento ou inoperante se a memória RAM não for suficiente para atender todas as requisições.

De modo grosseiro, podemos dizer que, para o desempenho de um site, “quanto mais memória, melhor”. O WordPress, por ser um CMS, demanda mais memória do servidor do que um site estático, que não possui páginas geradas dinamicamente. Por isso, muitas empresas oferecem planos de Hospedagem WordPress com mais memória RAM do que a média encontrada em planos compartilhados. Ao escolher um plano, vale considerar esta questão, principalmente se o seu site tem picos de audiência ou muito tráfego.

Processamento

ProcessamentoAssim como em um computador, um servidor de hospedagem possui um processador, que é o responsável por “juntar as peças” e processar pedidos e requisições do sistema. Quanto maior a capacidade de processamento de dados, mais rápido as requisições serão atendidas.

Em uma hospedagem compartilhada, a capacidade de processamento atende à maioria dos sites, mas nem sempre é generosa. Eventualmente, para conseguir mais processamento, recorre-se à upgrades e mudanças de plano, que podem incluir a contratação de um VPS, um servidor dedicado ou uma hospedagem cloud.

Muitos planos de Hospedagem WordPress oferecem mais processamento do que o usual, justamente para dar conta do crescimento de sites WordPress em ascensão.

Tráfego

O tráfego diz respeito à quantidade dados trocados entre usuários e servidor. A cada página visitada, uma quantidade “x” de bytes é enviada para o navegador do usuário. Um site com muitas visitas demanda mais tráfego do que um site com poucos visitantes.

Apesar de existirem empresas que oferecem tráfego ilimitado, algumas costumam definir uma quantidade pré-determinada de tráfego mensal em seus planos. Ao ultrapassar este limite, o dono do site poderá ter que pagar uma taxa extra.

Da mesma forma que ocorrem em outras hospedagens, é possível encontrar tráfego limitado ou ilimitado em hospedagens WordPress. Em empresas que oferecem mais de um plano de Hospedagem WordPress, este limite pode variar, crescendo de acordo com o plano.

Certificado SSL e recursos adicionais

Certificado SSL

Um certificado SSL é usado para aumentar a segurança da troca de dados entre usuários e servidor de hospedagem. Ao utilizar esta tecnologia, toda comunicação que sai do servidor é criptografada, sendo decodificada apenas ao chegar no computador do usuário. O site que possui um certificado SSL é identificado através do uso do protocolo HTTPS. Os navegadores indicam este tipo de site exibindo um cadeado verde no início da barra de endereços.

Um certificado SSL é utilizado principalmente para proteger usuários da captura de dados sensíveis, como senhas e dados de cartão de crédito. O SSL também evita que as informações de um site seja interceptadas e alteradas no caminho. Grandes empresas, como o Google e o Facebook, incentivam fortemente o uso do SSL, pois ele torna a navegação na internet mais segura.

Atualmente existem iniciativas que fornecem certificados SSL gratuitamente, como é o caso do Let’s Encrypt. É cada vez mais comum encontrar a oferta de certificados SSL incluídos gratuitamente em planos de hospedagem WordPress.

Assim como ocorre com o certificado SSL, as empresas fazem esforços para oferecer recursos extras e comodidades para seus clientes. Um exemplo disso é a oferta de migração gratuita. Trata-se de um serviço realizado para novos clientes, onde a equipe de suporte da empresa realiza a migração sem custo adicional para o cliente.

Veja a seguir, um levantamento de três recursos adicionais que as empresas citadas em nosso ranking oferecem para seus clientes.

DreamHostKingHostHostGatorSiteGroundInMotionBluehostMedia TempleGoDaddyWP Engine
SSL
gratuito
SimSimNãoSimSimSimNãoNãoSim
SSDSimSimNãoSimSimNãoSimSimNão
Migração
gratuita
NãoSimSimSimSimNãoNãoNãoNão
VisitarVisitarVisitarVisitarVisitarVisitarVisitarVisitarVisitar

Recursos para desenvolvedores

Em geral, hospedagens WordPress são pensadas para que os usuários não precisem lidar com atividades de configuração da hospedagem e do WordPress. A ideia é que qualquer pessoa, leiga ou não, se sinta à vontade para gerenciar a sua hospedagem. Isso é ótimo principalmente para leigos e pessoas sem experiência no assunto.

No entanto, desenvolvedores, programadores ou entusiastas do WordPress podem querer colocar a mão na massa e realizar ajustes e configurações avançadas por conta própria. Por conta disso, é comum encontrar recursos voltados para desenvolvedores nas melhores hospedagens WordPress, para alegria dos profissionais da área.

Entre os recursos avançados, podemos citar acesso ao servidor via SSH (terminal), controle de versão Git e WP CLI, programa que permite realizar diversas tarefas no WordPress usando linha de comando. Vale lembrar que apenas uma parte das empresas oferece este tipo de recurso. Portanto, se um deles é importante para você, faça a checagem antes de contratar.

Veja a seguir uma tabela com o levantamento de recursos para desenvolvedores nas empresas listadas em nosso ranking.

DreamHostKingHostHostGatorSiteGroundInMotionBluehostMedia TempleGoDaddyWP Engine
SSHSimSimNãoSimSimNãoSimSimSim
WP CLISimSimNãoSimSimNãoSimSimSim
GitSimSimNãoSimSimNãoSimSimSim
VisitarVisitarVisitarVisitarVisitarVisitarVisitarVisitarVisitar

Para quem a Hospedagem WordPress é indicada?

Hospedagem WordPress: para quem é indicada?A hospedagem WordPress pode ser indicada para mais de um perfil de usuário, como veremos.

Inicialmente, podemos citar pessoas que desejam uma hospedagem gerenciada focada em WordPress, onde não será necessário se preocupar com os aspectos técnicos da manutenção de uma hospedagem. Itens como instalação e atualizações automáticas do WordPress, temas e plugins são oferecidos por padrão em quase todos os provedores de hospedagens para WordPress. Backups regulares também são frequentemente oferecidos.

Além do citado acima, qualquer tipo de site WordPress que esteja passando por um momento de crescimento de audiência pode ser um candidato a uma hospedagem WordPress. O serviço oferecido, além de ter uma configuração otimizada para a plataforma, também é frequentemente preparado para picos de tráfego e alta demanda de conteúdo.

O público mais técnico também poderá se beneficiar de uma hospedagem WordPress gerenciada, pois muitas delas oferecem recursos avançados para desenvolvedores. Dentre eles, podemos citar acesso SSH (linha de comando), WP CLI (para administrar o WordPress usando o terminal) e o sistema de controle de versão Git.

Se você não se enquadra em nenhum dos perfis listados acima, talvez esse tipo de hospedagem não seja a mais indicada. Vale lembrar que as melhores empresas de hospedagem possuem planos compartilhados que podem atender a muitos sites construídos com o WordPress.

Além disso, a Automattic, empresa fundada pelo criador do o WordPress, oferece uma modalidade um pouco diferente de serviço, o WordPress.com. O serviço pode ser usado gratuitamente com um subdomínio (ex.: meusite.wordpress.com), mas oferece a possibilidade de domínio próprio e recursos adicionais em planos superiores. Pode ser uma boa alternativa para quem deseja apenas publicar um WordPress e sair escrevendo.

Como escolher a melhor Hospedagem WordPress

Ao analisar as opções, é importante pensar na melhor hospedagem WordPress para o seu cenário. Isso significa que cada site WordPress pede uma configuração diferente, baseado em alguns fatores como a finalidade do site (ex.: site institucional, blog, loja virtual e outros) e o tráfego estimado.

Defina a finalidade do site

Como escolherQuanto à finalidade, de modo geral, podemos deduzir que um site institucional não precisará de tantos recursos quanto uma loja online. Assim, a hospedagem indicada para o primeiro caso pode contar apenas com recursos básicos, enquanto para uma loja virtual demandará recursos e cuidados especiais.

Ciente do tipo de site que se pretende construir, faça um levantamento dos possíveis recursos desejados no site e na hospedagem. Isso ajudará a verificar se o plano escolhido é adequado ou não.

Estime o tráfego

O tráfego estimado para o site é um ponto muito importante no processo de escolha de uma Hospedagem WordPress. Se você está construindo um site para a sua empresa, que funcionará apenas como um cartão de visitas e apresentação de serviços, provavelmente o tráfego não será muito alto durante toda a vida do site. Blogs e lojas virtuais podem apresentar tráfego crescente ao longo do tempo. Além disso, dependendo de sua popularidade, podem passar por momentos com picos de tráfego, o que é algo que merece atenção.

Mesmo blogs simples e sem muitos recursos, ao passarem por picos de tráfego, demandarão alta capacidade no servidor. Assim, a estimativa de tráfego, se ainda não existe, deve ser feita com a maior precisão possível.

Defina o tipo de hospedagem

Após a definição dos pontos acima, pode-se avaliar o tipo de hospedagem mais adequada para cada cenário. Dentre as opções disponíveis no mercado de hospedagem para WordPress, comumente encontramos ambientes compartilhados, virtualizados (como é o caso de VPS ou cloud) ou dedicados (um servidor dedicado ao site).

Cada um dos tipos de hospedagem mencionados atenderá um tipo de demanda. Mas em geral, podemos considerar que, quanto maior a necessidade de recursos do seu site, maior deverá ser o tipo de hospedagem escolhido. E nesse caso, a quantidade de tráfego mensal e/ou picos de tráfego tem uma grande importância. Blogs e sites populares, com o tempo, demandam mais capacidade do servidor de hospedagem.

Portanto, se o seu projeto é novo e ainda não tem uma audiência, pode-se começar com um plano de Hospedagem WordPress em um ambiente compartilhado. Se você já possui uma audiência e sabe que ela continuará crescendo, uma hospedagem com mais capacidade é indicada. Sites muito populares frequentemente se veem obrigados a partir para soluções mais robustas, como hospedagens virtuais (Cloud e VPS) ou servidores dedicados.

Avalie a memória e outros recursos

Em qualquer tipo de hospedagem de sites, é comum encontrar menções a recursos da hospedagem, relativos à capacidade do serviço. Itens como memória, processamento, armazenamento e tráfego mensal são frequentemente listados pelas empresas em suas páginas de produto. A sopa de letrinhas formada por este tipo de recurso pode deixar muitos usuários confusos. Além disso, não raro as empresas listam alguns recursos como sendo “ilimitados”.

Aqui, vale usar critérios semelhantes aos mencionados no tópico anterior: tudo depende da necessidade. Sites com pouco tráfego vão demandar menos recursos do que sites populares.

Quanto ao fato das empresas oferecerem recursos ilimitados, vale lembrar que ilimitado é diferente de infinito. Ou seja, se um recurso é ilimitado, não quer dizer que se pode usá-lo infinitamente, mas apenas que não há um limite definido para o uso do recurso. As empresas que oferecem recursos ilimitados restringem o uso dos mesmos através de outros critérios, como limitando o tempo de utilização do recurso ou como ele é utilizado.

Sobre audiência e tráfego

Audiência crescenteQuando falamos de hospedagem de sites, é uma tarefa difícil classificar o volume de tráfego. Por esse motivo, raramente as empresas informam um número exato de visitantes suportados em cada plano de hospedagem. Isso ocorre porque a capacidade de um plano de hospedagem está mais ligada aos recursos do plano do que a um número inteiro de visitas.

Para entender como isso funciona, tenha em mente que, a cada página visitada, uma quantidade de recursos é alocada para atender àquele usuário. E esta quantidade de recursos pode variar de site para site. Um site com muitos scripts e que demande muito processamento pode necessitar muito mais recursos do que um site estático simples.

Se pudéssemos comparar dois sites como os mencionados acima, veremos que o site estático simples terá a capacidade de atender a uma audiência muito maior do que o que demanda muito processamento do servidor.

Trazendo este exemplo para o universo do WordPress, podemos dizer que sites com muitos plugins e scripts demandarão mais capacidade de processamento do que sites otimizados, que se valem de boas práticas, como por exemplo uso de cache e CDN. Portanto, ao pensar na capacidade que o seu WordPress demandará, tenha em mente que cada site terá uma necessidade diferente, dependendo de sua configuração e audiência.

 

Conclusão

Apresentamos aqui uma seleção das melhores hospedagens WordPress do mercado com o objetivo de ajudar qualquer pessoa que tenha interesse no serviço. Vimos também explicações detalhadas sobre cada um dos recursos encontrados neste tipo de hospedagem e fizemos comparações adicionais entre eles.

Esperamos ter esclarecido as principais dúvidas sobre a famosa Hospedagem WordPress. No entanto, sabemos que o assunto pode ser extenso e demandar muita reflexão. Se você ainda possui alguma dúvida ou possui algo a acrescentar, deixe um comentário e teremos prazer em ajudá-lo(a)!

Atualizado em 2 de novembro de 2017


49 Comentários

  1. Émerson Felinto

    Olá, não concordo em relação que é obrigação da hospedagem atualizar o wordpress ou plugins automaticamente.
    E se um plugin ou o wordpress der problema durante a atualização, vai ficar sendo culpa da hospedagem ? De forma alguma.

    Responder
    • Redação
      Equipe Tudo Sobre Hospedagem de Sites

      Olá, Emerson!
      De fato, não é uma obrigação da hospedagem atualizar temas e plugins automaticamente. No entanto, este é um recurso comumente oferecido em hospedagens especializadas na plataforma, como um diferencial. Nos casos em que isso é oferecido, geralmente o serviço oferece algum tipo de backup ou controle de versão, que poderá ser utilizado para “voltar atrás” caso algo dê errado com a atualização de algum plugin ou tema.
      E para aqueles que desejam ter mais controle e realizar as atualizações manualmente, sempre há a possibilidade de procurar por um serviço que não realize as atualizações automaticamente.
      Um abraço.

      Responder
      • Émerson Felinto

        Entendi agora, mas ao menos para mim uma hospedagem não deve ser discriminada caso não ofereça esse recurso, tendo em vista que há a opção sempre de se fazer a utilização de plugins no wordpress.

        Responder
        • Redação
          Equipe Tudo Sobre Hospedagem de Sites

          Sim, com certeza. Existem hospedagens compatíveis com o WordPress tão boas quanto as especializadas, e que não oferecem atualizações automáticas. Esse tipo de funcionalidade acaba sendo uma opção para quem não quer se preocupar com as atualizações. Aqui mesmo nós optamos por fazer as atualizações manualmente. 🙂

  2. Marcos

    Tenho um site no wordpress.com (gratuito) e gostaria de saber quais as novas funcionalidades eu teria se passasse para um plano pago. Por exemplo, meu site é um de publicação de notícias e não consigo criar um perfil para cada um dos membros, então, esteticamente, fica estranho pois, colocamos o nome do autor no texto? Conseguiria solucionar esse problema em um plano pago?

    Responder
    • Redação
      Equipe Tudo Sobre Hospedagem de Sites

      Olá, Marcos!
      Além do plano gratuito, o WordPress.com possui mais 3 planos, cujos serviços vão sendo aumentados em cada um deles. No plano imediatamente superior ao gratuito (Pessoal – US$ 2,99/mês), além da customizações que você pode fazer no gratuito, é possível inserir um domínio próprio e remover os anúncios do WordPress.com. No plano Premium (US$ 8,25/mês) você pode anunciar via WordAds e inserir vídeos em uma plataforma própria. No plano Negócios (US$ 24,92/mês), além dos recursos de todos os outros planos, você pode inserir o tracking do Google Analytics, remover a marca WordPress e instalar plugins e temas de terceiros. Para ver a comparação entre todos os planos, dê uma olhada nesta página: br.wordpress.com/pricing/.

      Sobre os usuários, mesmo no plano gratuito é possível convidar outros usuários para escrever no seu blog. Para isso, acesse a área de configurações do seu site, em WordPress.com, e vá em “Meus Sites” -> “Pessoas”. Clique então no ícone “+” e insira o e-mail das pessoas que deseja convidar para escrever no seu blog. Se eles não tiverem uma conta no wordPress, serão orientados a criar uma. Você deve indicar um nível de permissão para o usuário que está convidando. A partir do nível “colaborador” o usuário já poderá assinar artigos em seu site.

      Qualquer dúvida, basta entrar em contato”

      Responder
  3. Carolina

    Qual a diferença de contratar no próprio site wordpress.com e contratar com empresas tipo hostgator, kinghost ?

    Responder
    • Redação
      Equipe Tudo Sobre Hospedagem de Sites

      Olá, Carolina!
      Para entender a diferença, é necessário saber que o WordPress possui dois “sabores” distintos: O WordPress.com, que é um serviço oferecido com hospedagem e funcionalidades específicas incluídas, e o WordPress.org, que é repositório oficial do WordPress. Enquanto na primeira opção você paga para usar determinados serviços (ex.: inserir um domínio próprio e remover anúncios do site), no WordPress.org você pode baixar e instalar a plataforma gratuitamente, na empresa de hospedagem que desejar (como citou, é possível instalar o WordPress na HostGator, na KingHost e em muitas outras empresas).
      Para entender melhor a diferença, recomendo que leia o artigo “WordPress.com e WordPress.org: entenda a diferença“.
      Espero ter ajudado! Se tiver outras dúvidas, basta entrar em contato.
      Um abraço e boa sorte!

      Responder
  4. Rafael Mazzaron

    Ótimas Dicas pessoal, estou entrando nesse meio e quero bater bola com vocês. Vocês tem algum fórum ou algo parecido?

    Abs
    Rafael

    Responder
    • Redação
      Equipe Tudo Sobre Hospedagem de Sites

      Olá, Rafael!
      Obrigado pelo comentário. No momento não temos um fórum, mas você pode enviar suas dúvidas comentando nos artigos correspondentes ou entrando em contato diretamente conosco. Veja como em nossa página de contato.
      Um abraço.

      Responder
  5. Carol

    Bom dia, amei o post, foi o mais completo e mais bem explicado que encontrei, mas tenho uma dúvida, criei um blog no wordpress.com de inicio como hobbie, caso tenha visitas investiria em hospedagem e domínio, mas a questão é, meu blog sem hospedagem fica visível na internet, quando as pessoas buscam algum assunto meu blog aparecerá como opção para visita?

    Responder
    • Redação
      Equipe Tudo Sobre Hospedagem de Sites

      Olá, Carol!
      Obrigado pelo comentário. 😁
      Se você tem um blog em WordPress.com, isso significa que ele está hospedado nos servidores da Automattic, empresa que mantém o serviço WordPress.com. Saiba mais sobre isso no artigo WordPress.com e WordPress.org: entenda a diferença.
      Para garantir que ele esteja visível na internet e que possa ser encontrado por outras pessoas, você deve se certificar de que a visibilidade dele está configurada com o “Pública”. Essa configuração pode ser encontrada no painel de administração do seu blog em WordPress.com, em “Settings” -> “Privacy“, ou “Configurações” -> “Privacidade”, em português.
      Se você estiver usando o painel WP-Admin, poderá ajustar esta configuração dentro do painel, em “Configurações” -> “Leitura”. Nesse caso, marque a opção “Permitir que mecanismos de busca indexem este site”.
      Vale lembrar que, além das configurações do site, diversos fatores externos influenciam o posicionamento de um site nos mecanismos de busca, como por exemplo links de outros sites apontando para o seu.
      Esperamos ter ajudado. Caso tenha outras dúvidas, basta entrar em contato.
      Um abraço e boa sorte!

      Responder
  6. Mauro

    Olá, fizeram um excelente trabalho para aqueles que estão começando agora. Tenho só umas dúvidas, eu tenho um blog no wordpress.com, sem dominio e plano premium comprados, entretanto achei uma empresa de hospedagem que tem um plano de wordpress:”http://www.amen.pt/web-tools/wordpress.html”, e gostaria de saber se 1º: Se adquirir este pacote, posso depois ir ao Cpanel instalar o wordpress.org 2º Quando instalado todo o meu conteúdo do site do wordpress.com pode ser exportado para lá? Cumprimentos!

    Responder
    • Redação
      Equipe Tudo Sobre Hospedagem de Sites

      Olá, Mauro!
      Obrigado pelo comentário! Sobre suas dúvidas, vamos lá:
      1 – Sim, você poderá instalar o WordPress automaticamente nesta hospedagem. Pelo descrito na página do plano, o WordPress já vem instalado por padrão.
      2 – Você deverá fazer a exportação do conteúdo que possui em WordPress.com e em seguida a importação em seu novo site. Mas lembre-se de que esse procedimento migra apenas o conteúdo, incluindo imagens e comentários. Para saber mais informações sobre como fazer o procedimento, recomendo que leia nosso artigo Como migrar de WordPress.com para WordPress.org.

      Se tiver outras dúvidas, fique à vontade para entrar em contato.
      Um abraço e boa sorte!

      Responder
  7. Igor

    Olá! Muito bacana os textos sobre hospedagem WordPress! Sou iniciante e estou com várias dúvidas!!!

    Adquiri um template para construir um portal de notícias (Newspaper 7 – http://forum.tagdiv.com/newspaper-theme-documentation/). Estou pesquisando empresas de hospedagem com suporte em português uma vez que sou leigo na parte técnica do WordPress. Notei que as empresas de hospedagem possuem planos tradicionais e específicos para WordPress. Quais as vantagens e benefícios dos pacotes para WordPress com relação aos tradicionais?

    Para o meu objetivo (portal de notícias e tema Newspaper 7), quais pontos de atenção devo ter ao contratar uma hospedagem?

    Sendo o certificado SSL fundamental hoje para melhor posicionamento no Google, os planos básicos da Hostgator WP (Blog e Startup) não são compatíveis com SSL. Já o plano da Kinghost (WordPress I) contempla o SSL e fiquei bem impressionado com as características descritas no post de vocês (https://tudosobrehospedagemdesites.com.br/kinghost/hospedagem-wordpress/), porém a empresa informa que não é possível criar banco de dados no plano WP e não sei qual o impacto disso. Já os planos básicos da GoDaddy (Basic e Deluxe) não mencionam se são compatíveis ou não com SSL e apesar do preço menor que a Kinghost parece que não tem tantos benefícios como da Kinghost. No final sinto-me perdido com tantas informações e sem saber qual a melhor decisão.

    Outra dúvida: o que é CPANEL, devo me preocupar com isso e qual dessas três hospedagens possuem (caso deva me preocupar com isso)?

    Obrigado!!!

    Responder
    • Redação
      Equipe Tudo Sobre Hospedagem de Sites

      Olá, Igor!
      Obrigado pelo comentário! Ficamos felizes em saber que estamos ajudando 🙂
      Sobre suas dúvidas, vamos lá:

      Muitas empresas estão lançando planos exclusivos para o WordPress, possivelmente motivadas pela crescente popularidade da plataforma. A vantagem de usar uma hospedagem desse tipo é que ela contém recursos pensados para manter o WordPress otimizado, tanto do lado do desempenho quanto da segurança. Entre esses recursos, podemos citar armazenamento em disco SSD, cache habilitado no servidor, backups diários, entre outros.
      Mas é importante dizer que isso não significa que um plano de hospedagem compartilhada não seja indicado para o WordPress. Pelo contrário, existem diversos planos no mercado que estão preparados para atender ao WordPress. A diferença, além dos recursos já mencionados, está também no preço. Serviços extras geralmente significam custos extras, o que é até esperado.
      Também é importante saber que, mesmo em uma hospedagem compartilhada padrão, é possível configurar manualmente diversos dos recursos oferecidos por padrão em uma hospedagem WordPress. Nesse caso, existirá um trabalho adicional para configurar o que se deseja.

      Para tomar uma decisão, você terá que pesar se prefere assinar um plano um pouco mais caro, mas que já te traga muita coisa pronta, ou se o melhor seria começar gastando pouco e ir implementando melhorias por conta própria ao longo da vida do seu site.

      Sobre o tema que você escolheu, segundo o que está descrito na página de requisitos para instalação do tema, ele não exige nenhum recurso diferente do que já é recomendado para o WordPress. Portanto, escolhendo uma hospedagem compatível com o WordPress, você poderá usá-lo normalmente.

      Quanto ao certificado SSL, as empresas KingHost e UOL Host oferecem o certificado gratuito Let’s Encrypt nos planos de hospedagem de sites. Já na HostGator ou na GoDaddy, o SSL teria que ser comprado separadamente.

      Sobre sua dúvida quanto à criação de bancos de dados adicionais na hospedagem WordPress da KingHost, o banco de dados necessário para o WordPress funcionar é criado no momento da ativação do plano. Não é possível criar bancos de dados adicionais, mas você não precisará de um para rodar o seu WordPress e administrá-lo normalmente. Portanto, acredito que você não precisa se preocupar com essa questão.

      Sobre o cPanel, este é um painel de controle de hospedagem bastante comum. Diversas empresas o utilizam. Das que você citou, a GoDaddy e a HostGator o utilizam. Você não precisa necessariamente dele para administrar sua hospedagem. As empresas que não oferecem o cPanel, em seu lugar, oferecem painéis de controle próprios, que geralmente possuem recursos similares aos encontrados no cPanel. Para saber mais sobre isso, veja o artigo Conheça o painel de controle cPanel por dentro.

      Espero ter ajudado! Se tiver outras dúvidas, basta entrar em contato.

      Abraços e boa sorte!

      Responder
  8. Leonardo

    Uma agencia cobrou R$ 10.000 mil reais para desenvolver um site em wordpress com template comprado na themeforest. Esse valor é um valor que esta dentro da média oferecido neste mercado para sites profissionais ? Existe algum caminho para levantar preços , estabelecidos por especialistas em wordpress? Ou este valor esta extremamente fora da realidade e eu devo buscar outras alternativas ??? Abraços

    Responder
    • Redação
      Equipe Tudo Sobre Hospedagem de Sites

      Olá, Leonardo!

      O valor cobrado por uma agência para desenvolver um site pode variar muito. Essa variação depende de diversos fatores, entre eles podemos citar principalmente o escopo do trabalho. É difícil dizer se o valor cobrado para o seu site é caro ou barato sem conhecer o escopo do projeto. Outros serviços incluídos podem elevar bastante este valor. Vamos supor, por exemplo, que, além do desenvolvimento do site utilizando um template, a agência também fará a produção do conteúdo das páginas do site, incluindo textos e imagens. Esse cenário é apenas um exemplo de algo que poderia encarecer bastante um projeto de criação de um site. E não é algo incomum encontrar agências que oferecem o serviço de criação de conteúdo juntamente com o da criação do site.

      Acredito que você deveria avaliar o escopo do projeto, ou seja, avaliar todos os itens que estão incluídos na proposta. Se possível, seria interessante pedir à agência que o orçamento seja detalhado, para que você possa visualizar o quanto está sendo cobrado por cada serviço.

      Quanto ao preço médio deste serviço, isto também pode variar bastante. Profissionais autônomos e freelancers costumam cobrar menos do que agências. Essa diferença se dá, naturalmente, pela quantidade de pessoas envolvidas no projeto e pelo custo base de cada modelo. Uma agência, além das contas que precisa pagar para manter o negócio funcionando, geralmente conta com a participação de profissionais de diversas áreas no projeto. Um profissional freelancer possui um custo base menor do que uma agência.

      Se me permite uma sugestão, faça outros orçamentos, pelo menos mais dois ou três, tanto com agências quanto com profissionais autônomos. Além da questão do custo, isso lhe dará uma visão interessante do que está incluído em cada proposta.

      Se pudermos ajudar com algo mais, basta entrar em contato.

      Um abraço e boa sorte!

      Responder
  9. Severiano Santos

    Excelentes artigos e explicações. Ainda não consegui ler todos, mas garanto que se me dedicar vou virar expert com estes posts (rsrsrs). Parabéns a todos!

    Aproveito para buscar aconselhamento.
    Presto trabalho voluntário em uma entidade sem fins lucrativos ou com arrecadação de verba, para o qual existe um site ultrapassado, sem conteúdo e que precisamos do parceiro gestor do site para interagir com pop ups, divulgação de eventos com emissão de convites por email e respectiva recepção de inscrição do interessado, uploads de fotos e conteúdo. Tudo isto tem um preço que tem sido bastante difícil manter.

    Tenho pesquisado a construção de sites e deparei-me com o Wix e WordPress. Vi todas as comparações e características mas ainda estou na dúvida: entre manter o atual parceiro com um site desatualizado, sem ser responsivo ou arriscar um empreita com um dos 2 citados?
    Adicionalmente as características que apontei acima, pretendo inovar com mais conteúdo, navegação em celular, e fórum de debates, além de ter uma ferramenta de e-mail MKT de fácil uso. Esclareço que não haverá necessidade de e-commerce.

    Adiciono as perguntas:
    Será que um simples usuário conseguiria construir algo com as funcionalidades citadas, mais as ferramentas de SEO e Google Analytics?
    Seria possível contemplar todas estas necessidades gastando cerca de R$ 2.000,00 / ano ?
    Grato,

    Responder
    • Redação
      Equipe Tudo Sobre Hospedagem de Sites

      Olá, Severiano!
      Obrigado pelo comentário 🙂

      Sobre seu projeto, antes de mais nada, é preciso estar ciente de que existem muitos caminhos possíveis para construir um site com as especificações que listou. A princípio, pela gama de recursos que necessita, acredito que o WordPress seria a melhor opção. O Wix, apesar de oferecer muitas funcionalidades, está contido em uma plataforma própria. A adição de novas funcionalidades é feita gradualmente para atender muitos usuários (sem observar necessidades mais específicas).
      Com o WordPress instalado (aquele disponível em WordPress.org), você terá bastante liberdade para instalar apenas as funcionalidades que necessita. Baseado no que descreveu, vou tentar te passar algumas opções que você poderia eventualmente usar em um site WordPress.

      Divulgação de eventos com o envio de convites por e-mail: você pode criar uma conta no MailChimp e integrá-lo ao WordPress para colher e-mails de leitores e visitantes do site. O uso do MailChimp é gratuito para uma base de até 2 mil e-mails cadastrados.
      Inscrição online em eventos: existem alguns plugins criados especificamente para esse fim. Veja a lista aqui. No entanto, dependendo das suas necessidades, outros plugins poderiam ser mais adequados.
      Inovação em conteúdo: o WordPress é uma plataforma que nasceu para a divulgação de conteúdo, isso inclui texto, áudio e vídeo. O conteúdo pode ser facilmente compartilhado nas redes sociais.
      Navegação em celular: escolha um tema (ou template) responsivo e qualquer pessoa poderá navegar em seu site usando um smartphone ou tablet.
      Fórum de debates: o plugin BBPress foi criado para transformar o WordPress em uma plataforma de fórum, com todas as funcionalidades que isso demanda, e ainda ser leve e fácil de operar.
      Ferramenta de e-mail marketing: recomendo novamente o MailChimp. Uma ferramenta robusta e gratuita para até 2 mil destinatários.
      Ferramenta de SEO: instale o plugin Yoast SEO, o mais completo para WordPress. É fácil de usar e possui tradução para o português.
      Google Analytics: existem diversos plugins para integração do WordPress com o Google Analytics. Um deles, bastante popular, é o Google Analytics by MonsterInsights.

      É verdade que customizar o WordPress pode dar mais trabalho do que um site no Wix. Como você pode perceber pela lista acima, são muitas possibilidades, e analisar e implementar cada uma delas terá a sua parcela de dedicação. No entanto, quando desejamos implementar um projeto desse porte e manter o custo baixo, o WordPress pode ser um ótimo caminho, porque a probabilidade de encontrar uma solução gratuita para uma funcionalidade específica é muito grande. No caso, o maior investimento será o tempo dedicado ao projeto, primeiramente para aprender o que se precisa aprender e em seguida para colocar em prática.

      Se você for realizar o projeto por conta própria e pagar um profissional para ajudá-lo está fora de cogitação, o investimento será apenas com o domínio/hospedagem e o tempo de implementação e ajustes.

      Espero ter ajudado. Se tiver outras dúvidas, fique à vontade para entrar em contato.

      Um abraço e boa sorte!

      Responder
  10. Lucas M

    Olá,ótimo artigo. Preciso de um host que hospede um site por volta de 80mil visitas diárias,porém vi que um host nesse patamar é um valor astronômico,mas vi esse uol host que promete visitas ilimitadas a um valor anual bem acessível,muito mais baratos dos outros, queria saber ele tem alguma limitação pra ser barato assim?

    Responder
    • Redação
      Equipe Tudo Sobre Hospedagem de Sites

      Olá, Lucas!
      Em sites com alto volume de tráfego, além da questão do número de visitas, é preciso ficar atento ao consumo de memória e processamento. Isso se aplica a qualquer hospedagem compartilhada. No caso do UOL Host, essa questão está especificada no contrato de serviço, bem como outros itens, como o que pode e o que não pode ser feito na hospedagem. O contrato do serviço de hospedagem WordPress pode ser lido aqui (parágrafo 4 – condições da utilização de recursos).

      Voltando a questão do número de visitantes, além do UOL Host, outras empresas oferecem hospedagem WordPress com um número generoso de visitantes mensais e por um custo relativamente baixo. Antes de tomar sua decisão, recomendo que dê uma olhada na HostGator (plano Startup) e na GoDaddy (plano Deluxe).

      Por último, talvez deva considerar também uma hospedagem cloud, que é indicada para sites com picos de tráfego e variações sazonais de audiência.

      Qualquer dúvida, basta entrar em contato.
      Um abraço e boa sorte!

      Responder
  11. Fabio

    Bom dia! Vou iniciar um blog profissional pelo wordpress com o objetivo de monetizar atraves de anuncios e infoprodutos, mas estou na duvida em qual dos planos comprar. Estou entre o premium e o negocios. Peço sua ajuda, obrigado

    Responder
    • Redação
      Equipe Tudo Sobre Hospedagem de Sites

      Olá, Fábio!
      Para que possamos ajudá-lo, você poderia indicar a empresa que oferece estes planos? Com essa nomenclatura, encontrei apenas a WP Engine, mas não estou certo de que você se refere a ela. Obrigado.

      Responder
  12. Hernán Hourcade

    Artigo muito bom. Ajudou bastante. Vocês conhecem a hospedagem wordpress BlogLite? É confiável?

    Responder
    • Redação
      Equipe Tudo Sobre Hospedagem de Sites

      Olá, Hernán!
      Obrigado pelo seu comentário. Não conhecemos a hospedagem que citou, mas vamos mapeá-la para uma futura análise.
      Se precisar de ajuda com mais alguma coisa, fique à vontade para entrar em contato.
      Abraços!

      Responder
  13. Fatima

    Parabéns pelo conteúdo! Esclareceu diversas dúvidas!
    No próprio wordpress tem uns planos oferecidos, gostaria de saber se atenderiam bem minhas necessidades, criei um blog na versão gratuita, mas já observei que não me atende bem.
    Por exemplo, tem um plano premium no próprio wordpress, se eu comprá-lo eu terei tudo que preciso? domínio e hospedagem? poderei criar uma pagina de captura?
    Desde já agradeço as informações

    Responder
    • Redação
      Equipe Tudo Sobre Hospedagem de Sites

      Olá, Fatima!
      Antes de mais nada, é importante estabelecer as diferenças entre as plataformas WordPress. Os planos a que você se refere são disponibilizados pelo WordPress.com, que é um serviço comercial oferecido para a plataforma. Nesta modalidade, você não precisa ter uma hospedagem ou se preocupar com atualizações do WordPress, pois isso é de responsabilidade da Automattic, empresa que oferece o serviço.
      Neste artigo, estamos nos referindo ao CMS disponibilizado gratuitamente em WordPress.org e que pode ser instalado em qualquer hospedagem de sites que atenda aos requisitos do sistema.
      As diferenças entre esses dois modelos são muitas, mas principalmente: no WordPress.com você não tem acesso ao código-fonte do sistema e tem menos possibilidades de customização da ferramenta, ficando limitada ao oferecido dentro do próprio painel. Já no WordPress.org, você pode instalar e usar plugins e temas disponibilizados por terceiros, e tem mais liberdade para customizar o site.
      Para entender melhor essas diferenças, recomendo que leia o artigo WordPress.com e WordPress.org: entenda as diferenças.

      Para o que deseja criar, uma página de captura, como citou, acredito que o WordPress instalado (.org) te dará mais possibilidades.

      Aproveito para indicar outros artigos relacionados, se quiser se aprofundar no assunto:
      Como migrar do WordPress.com para o WordPress.org
      Hospedagem WordPress ou compartilhada: qual escolher?

      Precisando de ajuda com algo, basta entrar em contato!
      Abraços.

      Responder
  14. Leandro

    Bom dia gente, muito bom o post, mas fiquei com algumas dúvidas. Quero criar um blog de viagem, cheguei a começar no wordpress.com, peguei o pacote gratuito. Queria continuar no gratuito por um tempo (5-6meses) para ver se o projeto começar a engatar e depois comprar um pacote melhor ou migrar pro wordpress.org. Ja tenho uma pagina no Facebook com um bom numero de seguidores. Vocês acham loucura da minha parte escolher esse modo? O que vocês recomendariam?

    Responder
    • Redação
      Equipe Tudo Sobre Hospedagem de Sites

      Olá, Leandro!
      Sim, é perfeitamente possível começar um blog no WordPress.com e depois migrar para a versão instalada do CMS (WordPress.org). De maneira bem resumida, quando quiser migrar o seu blog, você precisará seguir os seguintes passos:
      1 – Contratar uma hospedagem e instalar o WordPress
      2 – Transferir o conteúdo do seu site para lá
      3 – Registrar ou transferir o domínio
      4 – Migrar usuários e estatísticas com o JetPack
      O JetPack é um plugin criado pela Automattic (criadora do WordPress) que permite que diversos recursos do WordPress.com sejam utilizados no WordPress.org. O pessoal da Automattic também criou um tutorial bem completo para ajudar neste tipo de migração. O tutorial é em inglês e pode ser acessado em move.wordpress.com.
      Qualquer dúvida, basta entrar em contato.
      Um abraço e boa sorte!

      Responder
  15. Silva

    Olá pessoal! Muito boa essa postagem, e já tirei algumas dúvidas, contudo ainda estou na dúvida. vocês podem me ajudar?
    Olha só, estou comecando agora, e quero criar um blog de cursos no wordpress. Comecei a usar a hostinger gratis, e em 1 semana parou 2 vezes, além de ser super lento. Estou indignado pois eu já tinha feito várias coisas, mas não tinha salvo ainda. E agora não estou conseguindo mais acessar nem o cpanel do hostinger e nem o do wordpress, está aparecendo uma tela de um monte de caracteres malucos. Tenho 2 perguntas: 1- Eu ainda consigo salvar o que já fiz nessa conta gratuita da hostinger?
    2- Estou pesquisando aqui, e tem outros sites recomendando a Superdomínios, ela é boa?
    Obrigado se puder me ajudar, parabéns pelo excelente trabalho!
    aguardo…

    Responder
    • Redação
      Equipe Tudo Sobre Hospedagem de Sites

      Oi Silva, que bom que gostou do post! Vamos às respostas:

      1. Hostinger: em uma situação normal, você deveria ter acesso ao painel sim. Não temos informações suficientes para avaliar o que aconteceu, mas nossa recomendação é que entre em contato com o suporte da empresa e peça ajuda para solucionar este problema. Talvez consiga recuperar o que fez até o momento.

      2. Superdomínios: ainda não utilizamos esta empresa, mas os planos da hospedagem compartilhada são similares às principais empresas de hospedagem que indicamos atualmente. Recomendo apenas que analise bem a hospedagem, antes de contratar. Dentre outras coisas, é importante entender quais são os recursos, como funciona o suporte e qual o uptime do servidor, que é o tempo que o servidor está disponível. Além disso, é sempre bom verificar a empresa no site Reclame Aqui. Vou listar alguns posts que podem te ajudar a escolher a sua hospedagem:
      O que é hospedagem ilimitada
      O que é Uptime
      Como escolher uma boa hospedagem
      Ranking de hospedagem de sites (abaixo do ranking, há várias dicas sobre como avaliar e escolher uma hospedagem)

      Espero que essas informações te ajudem, mas qualquer dúvida deixe um comentário! Sucesso com seu blog! 🙂

      Responder
      • Silva

        Olá amigo Fabiano!
        Muito obrigado pela ajuda, estarei lendo as postagens e seguindo suas instruções.
        Parabéns! Você ganhou um seguidor.
        Sucesso sempre crescente! 🙂

        Responder
        • Redação
          Equipe Tudo Sobre Hospedagem de Sites

          Obrigado, Silva! Mantenha-nos informado e precisando de ajuda, estamos à disposição! 😀

  16. Thaís

    Olá!

    Primeiramente, quero parabenizar vocês pelo trabalho com este site, que me ajudou muito e ainda está me ajudando!

    Eu já possuo um site, atualmente no Wix, mas possuo um grande projeto para este site (com acessos restritos a diferentes áreas do site, vídeos, loja, etc) que me fez pesquisar muito para, enfim, escolher a melhor empresa de hospedagem e o melhor plano para este projeto. Optei pela Hostgator, e o plano de hospedagem compartilhada Business, enquanto vou construindo o site para, depois, conforme a necessidade, migrar para outro plano. Estou me inteirando sobre a hospedagem WordPress e pensei em contratar o serviço JumpStart da Hostgator para me auxiliar neste início, pois ainda tenho muitas dúvidas. Ao ler este artigo de vocês: https://tudosobrehospedagemdesites.com.br/godaddy/hospedagem-wordpress/
    fiquei com uma dúvida tremenda se devo prosseguir com a Hostgator ou optar pela GoDaddy. Como estou gostando muito do que estou descobrindo sobre o WordPress, a minha dúvida agora é justamente esta!
    Como vocês testaram a hospedagem WordPress da GoDaddy, qual seria a melhor opção no meu caso?
    Obrigada!

    Responder
    • Redação
      Equipe Tudo Sobre Hospedagem de Sites

      Olá, Thaís!

      Ficamos muito gratos e felizes em saber que estamos ajudando. Esperamos ajudá-la também com esta dúvida. 🙂

      Primeiramente, acho que a sua escolha de plano na HostGator foi acertada, uma vez que está começando com o site e planeja ter uma loja futuramente (o SSL e o IP dedicado gratuitos são uma vantagem neste plano). O JumpStart é útil para quem não sabe por onde começar, pois nele você terá as principais configurações iniciais feitas por uma pessoa técnica, e depois poderá fazer as suas customizações de tema e conteúdo. Por outro lado, a GoDaddy possui o plano específico de WordPress, que também tem suas vantagens. Como os dois planos de hospedagem possuem diferenças, vamos detalhar as principais abaixo, para você avaliar o que é mais importante e então fazer a melhor escolha.

      Principais diferenças entre plano Business (HostGator) e plano WordPress (GoDaddy):
      1. A HostGator oferece serviço de e-mail incluído, enquanto na GoDaddy você tem apenas 1 ano grátis no Microsoft Office (só é uma vantagem se quiser utilizar o e-mail);
      2. A GoDaddy oferece domínio gratuito no plano anual (só é uma vantagem se você precisar de um novo domínio);
      3. A instalação do WordPress é bem mais fácil e intuitiva na GoDaddy (bastam alguns cliques, como mostramos neste post). Na HostGator você precisa seguir um passo a passo, mas que está disponível na FAQ deles e também no nosso blog (veja aqui);
      4. Na GoDaddy o backup do site é diário e pode ser restaurado com um clique. A HostGator tem backup semanal de toda a conta (site, e-mail, banco de dados) via painel de controle, mas você tem liberdade para fazer backup externo como quiser;
      5. Ambos oferecem atualização automática do WordPress, mas se por algum motivo você preferir atualizar manualmente, isso só pode ser feito no plano da HostGator;
      6. Neste plano WordPress da GoDaddy você não tem o painel de controle cPanel, mas isso não chega a ser um problema, pois os recursos estão disponíveis no painel do cliente ou no próprio painel do WordPress. Se o cPanel for importante, você tem a possibilidade de contratar a hospedagem de sites da GoDaddy, que vem com este painel de controle;
      7. Neste plano da GoDaddy não é possível realizar a instalação multisite do WordPress (para quem quer ter vários sites dentro do mesmo painel WP). Na HostGator não há este impedimento.

      Em resumo, o plano da HostGator é mais flexível, pois é uma hospedagem que atende a várias linguagens e conta com outros serviços, como e-mail. Já a hospedagem WordPress da GoDaddy foi “desenhada” para atender as necessidades específicas desta linguagem, e por isso é mais amigável e fácil de usar. O ponto desfavorável é que ela possui apenas 1 ano de e-mail e tem as limitações citadas acima.

      Esperamos ter ajudado e desejamos sucesso com o site! Se surgirem mais dúvidas, pode escrever pra gente!

      Responder
      • Thaís

        A resposta de vocês ajudou muito! Muito obrigada e continuarei acessando o site de vocês, que é excelente!

        Responder
        • Redação
          Equipe Tudo Sobre Hospedagem de Sites

          Que bom, Thaís! Muito obrigado! 🙂

  17. Oziel

    Parabéns pela matéria. Me esclareceu muitas dúvidas e me deixou com outras. rsrs

    Se possível, gostaria de saber a sua opinião em uma delas.

    Estou começando agora no mundo do blog e vi que não vale a pena mante-lo em uma hospedagem gratuita. Assim então, surgiu minha grande dúvida.
    Meu blog é sobre viagens e estou usando a plataforma do WordPress. Gostaria de saber, na sua opinião, se o pacote básico da Hostgator é uma boa escolha para alguém como eu, que está começando,

    Ele possui as seguintes características:

    Site e Domínio Único
    25 GB de Armazenamento
    Transferência ILIMITADA
    Contas de E-mail ILIMITADAS
    Criador de Sites Grátis
    SSL Compartilhado

    O plano da Godaddy também me pareceu bom, mas caso queira renovar após o primeiro ano, o valor aumenta muito.

    Ficarei muito grato se puder me ajudar.

    Responder
    • Redação
      Equipe Tudo Sobre Hospedagem de Sites

      Olá, Oziel!

      Obrigado, ficamos felizes em saber que te ajudamos de alguma maneira 🙂

      Acredito que a hospedagem da HostGator vai te atender perfeitamente. Este site mesmo está hospedado em um plano M da HostGator. Optamos pelo M por permitir mais de um site na hospedagem, mas o plano P também daria conta do recado, se não houvessem outros sites. Da mesma forma, a GoDaddy também te atenderia, mas realmente fica um pouco mais caro que a HostGator na renovação.

      Se tiver qualquer outra dúvida, basta entrar em contato.
      Um abraço e boa sorte!

      Responder
      • Oziel

        Ok. Muito obrigado pela ajuda e parabéns mais uma vez.
        Seu conteúdo está nota 10!!

        Responder
  18. Glauber

    Boa tarde!
    Uma dúvida pra quem está começando no mundo do WordPress: se eu utilizei um plugin, como por exemplo, o WooCommerce ou o Sensei no desenvolvimento no meu computador, estes mesmos plugins devem estar instalados também no servidor de hospedagem? Obrigado (desculpe se a pergunta é obvia demais, ao menos para quem já conhece). Abraços!

    Responder
    • Redação
      Equipe Tudo Sobre Hospedagem de Sites

      Olá, Glauber!
      Não precisa se desculpar, é perguntando que se aprende! 😉
      A resposta é: sim, se você está desenvolvendo um site WordPress localmente, em seu computador, precisará ter as mesmas configurações no servidor que irá hospedá-lo futuramente. Isso inclui plugins e temas. Além disso, qualquer configuração ou conteúdo publicado localmente também deverá ser reproduzido no WordPress instalado no servidor.
      Existe uma maneira bem prática de migrar o WordPress de hospedagem, na qual você não precisará se preocupar em reproduzir conteúdos ou configurações específicas que tiver feito localmente. Resumidamente, você precisará apenas copiar todos os arquivos a partir da raiz do seu WordPress, exportar o banco de dados e importar na nova hospedagem. Antes de acessar o site, no entanto, deverá fazer uma substituição no banco de dados para trocar a URL do seu WordPress local pela URL final do seu site (por exemplo, trocar localhost/site por meusite.com.br).
      Uma parte desse processo está descrita em nosso artigo Como migrar o WordPress de hospedagem, mantendo o mesmo domínio. Nesse caso, depois de realizar o passo 5, você deverá fazer a substituição no banco de dados. Para fazer a substituição da URL no banco de dados você poderá usar a ferramenta Database search and replace. Mas cuidado: essa ferramenta realizará alterações no banco de dados, portanto faça um backup antes de começar.
      Pretendemos fazer um artigo sobre isso (migração do WordPress com alteração de domínio), mas por enquanto, essas dicas devem ajudar.
      Se ainda tiver dúvidas, entre em contato e faremos o possível para te ajudar.
      Um abraço e boa sorte!

      Responder
  19. Jorge Edson Albuquerque Ribas

    Olá, adquiri um plano de WordPress Gerenciado pela GoDaddy para 5 sites, também registrei um domínio .com com eles e um .br no registro.br. Pretendo lançar uma plataforma com vários blogs e cursos online. Gostaria de obter sugestões de uma estratégia para registrar esses diferentes sites com o WordPress. Deveria utilizar subdomínios apontando para cada site? Devo fazer instalações independentes do WordPress para cada curso/blog?
    Obrigado!

    Responder
    • Redação
      Equipe Tudo Sobre Hospedagem de Sites

      Olá, Jorge!
      Como você deve ter percebido, existem diversas possibilidades de configuração do WordPress. A escolha da melhor opção no seu caso dependerá de alguns fatores que apenas você, conhecendo o seu projeto, poderá avaliar. Vamos tentar ajudá-lo com algumas informações.
      No plano WordPress gerenciado da GoDaddy você precisará fazer a instalação do WordPress separadamente para cada site. Assim, você será capaz de ter um subdomínio para cada curso (ex.: curso1.meusite.com, curso2.meusite.com etc.) ou organizar os cursos em pastas dentro do mesmo domínio (ex.: meusite.com/curso1, meusite.com/curso2 etc.).
      Outra possibilidade é ter um domínio para cada site WordPress (curso1.com, curso2.com etc.). Nesse caso, você deverá registrar os novos domínios e apontá-los individualmente para a sua devida instalação do WordPress.
      Existe ainda outra alternativa, que seria utilizar o modo “Multisite” do WordPress, onde você poderia, com apenas uma instalação do WordPress, gerenciar vários sites. Os sites poderiam ser acessados via subdomínio ou diretório, como exemplificamos acima. Mas atenção: o modo de instalação Multisite não é permitido no plano WordPress gerenciado da GoDaddy. Ao invés disso, você teria que contratar a hospedagem Linux (planos Deluxe ou Ultimate) e então realizar a instalação do WordPress Multisite.
      Esperamos ter ajudado! Se ainda tiver dúvidas, fique à vontade para entrar em contato!

      Responder
  20. Elizabeth

    O wordpress é uma boa opção para um site de cupons? Os temas responsivos são realmente eficientes para visualização em celular, na questão de agilidade?
    Obrigada!

    Responder
    • Redação
      Equipe Tudo Sobre Hospedagem de Sites

      Olá, Elizabeth! Sim, o WordPress pode ser uma boa opção para um site de cupons. Os temas responsivos, em geral, são preparados para o carregamento rápido em dispositivos móveis, como o celular. No entanto, é importante ficar atento a algumas informações sobre o tema antes de comprá-lo: verifique o que outros usuários falam sobre o tema e, caso ele possua uma versão de demonstração, acesse-o através de diversos dispositivos para testá-lo na prática. Veja mais informações sobre o assunto no artigo 7 Dicas para Montar um Site WordPress Profissional.
      Boa sorte com o site!

      Responder
  21. Carlos

    Bom dia!!
    Ótimas informações. Me ajudou muito.

    Só faço uma ressalva nas informações de hospedagem:

    * Hostgator – aqui informa valor R$ 9,90 mensal. Entrei no site e constatei que não existe esse valor mensal, na verdade vc paga por valor X que é equivalente aos R$ 9,90 mensal. Se vc optar por um plano mensal pagará R$ 17,99.
    Pegadinha…

    Responder
    • Redação
      Equipe Tudo Sobre Hospedagem de Sites

      Olá Carlos, obrigado pelo comentário. A informação foi atualizada no artigo.

      Responder

Deixe um comentário