Site ou loja virtual: qual é melhor para vender online?

site ou loja virtual

A cada ano cresce o número de negócios online no Brasil, movimento que segue na contramão das lojas físicas, que vêm apresentando retração devido à crise no país. Segundo a pesquisa Perfil do E-commerce Brasileiro, entre 2015 e 2016 o crescimento de lojas online foi de 21,52%.

Se assim como milhares de brasileiros, você também planeja abrir um negócio online, saiba que este é um segmento que continua promissor. O faturamento do e-commerce brasileiro deverá crescer até 15% em 2017, segundo pesquisa do Ebit.

Mas para vender online, qual plataforma é mais indicada: site ou loja virtual? Na maioria das vezes a loja virtual é a melhor solução, mas isso não significa que você não possa realizar vendas através de um site. Na verdade, em algumas situações ela é até recomendada.

Neste artigo você vai saber o que é preciso para vender pela internet, quais as diferenças entre as soluções e o que usar para criar o seu negócio online: site ou loja virtual. Vamos lá?

O que é um site?

O termo site possui uma definição abrangente que costuma incluir diversos tipos de página na internet, por isso aqui vou me referir apenas ao site institucional.

O site institucional é usado por empresas, profissionais liberais e autônomos como forma de apresentação dos seus negócios ou serviços. Ele pode ser bem simples e servir como uma versão online do cartão de visitas ou ser mais completo e informativo, permitindo até mesmo realizar vendas.

Tema Wix para site de consultório dentário

Tema de Site Wix

Os sites institucionais variam muito entre si, mas existe uma estrutura básica de páginas que costuma estar presente em todos eles:

  • Página inicial (Home) – é a página principal de um site, que funciona como uma vitrine e incentiva o usuário a navegar nas páginas.
  • Sobre – página que traz informações sobre a empresa ou o profissional.
  • Produtos/serviços – página que apresenta os produtos ou serviços oferecidos.
  • Contato – página que exibe as formas de contato, como endereço, telefone, e-mail e mapa. Também pode conter um formulário de contato.

Um site pode ter muitas outras páginas, como blog, equipe, clientes, portfólio e claro, uma página de vendas, como veremos a seguir. 🙂

Quando vender através de um site

Para realizar vendas pela internet não é obrigatório ter uma loja virtual. Dependendo do tipo de produto ou serviço que você vende, é possível fazer isso através de um site.

Algumas situações que podem se encaixar neste modelo de venda online:

  • Quando você vende apenas um produto ou serviço;
  • Quando possui um negócio pequeno e a venda online é apenas um complemento;
  • Quando o volume de vendas é reduzido e não é necessário um sistema de e-commerce para gerenciar pedidos, clientes e estoques; ou
  • Quando seu site não realiza vendas, mas recebe doações.

Para exemplificar, veja alguns negócios que poderiam vender através de um site:

  • Um profissional que vende um produto digital, como um curso;
  • Um professor particular que agende aulas pelo site;
  • Um artesão que queira expor e vender suas artes pela internet; ou
  • Uma instituição sem fins lucrativos que aceite doações.

Soluções para vender com um site

É possível realizar vendas em um site de diversas maneiras. Uma delas é usando um módulo de e-commerce, que adiciona a loja como uma das páginas do site. Em criadores de sites, como o Wix, ele é um recurso opcional (Wix Stores) e permite uma série de configurações. Nele também é possível criar uma loja virtual padrão.

Exemplo de loja no Wix Stores

Exemplo de loja no Wix Stores

Quem tem um site no WordPress pode contar com o WooCommerce, plugin gratuito e criado exclusivamente para esta ferramenta. Atualmente é a plataforma de e-commerce mais popular do Brasil e do mundo.

Exemplo de loja com WooCommerce

Exemplo de loja com WooCommerce

E por último, quem deseja fazer algo extremamente simples pode inserir um botão de compra, como o do PayPal ou do PagSeguro. Ele é compatível com a maioria das plataformas e permite que a venda seja feita de forma segura e fácil.

Integração PayPal

Botão PayPal no Criador de Sites da GoDaddy

O que é preciso para vender online?

É importante saber que alguns recursos são necessários para que você venda pela internet, independentemente de usar um site ou loja virtual. São eles: domínio, hospedagem, SSL e gateway de pagamento.

Domínio é o seu endereço na internet, como www.sualoja.com.br, e hospedagem é o servidor onde ele fica armazenado e que o torna disponível na internet. Ambos são necessários, mesmo que você não faça nenhuma venda online.

O certificado SSL, por sua vez, é recomendado em sites e imprescindível em lojas virtuais. É ele que garante a segurança das transações, ao criptografar as informações que estão sendo trocadas no site ou loja virtual.

Por fim, o gateway de pagamento é o sistema que irá permitir que você receba pagamentos pela internet, por meios como boleto, cartão de crédito, débito e transferência bancária. Para isso é possível utilizar intermediadores de pagamento, como PayPal, PagSeguro, MercadoPago e outros, ou integrar sua loja diretamente com os meios de pagamento (bancos e bandeiras de cartão de crédito, por exemplo).

O que é uma loja virtual?

Loja virtual é um tipo de site voltado exclusivamente para a venda de produtos e serviços pela internet. Sua estrutura é criada com essa finalidade e por isso ela tem características bem específicas.

Uma delas é a página inicial, que neste caso costuma ser uma vitrine de promoções e produtos, com imagens e textos atraentes e comerciais. As páginas internas também seguem uma estrutura de e-commerce, com navegação por categorias, subcategorias e filtros. Essa organização varia conforme a loja, mas o objetivo é sempre o mesmo: ajudar o usuário a encontrar o que busca.

Loja virtual Netshoes

Loja virtual Netshoes

  • Um e-commerce conta ainda com um sistema de gerenciamento, que inclui:
  • Gestão de clientes e pedidos;
  • Cadastro de produtos;
  • Gerenciamento de estoque;
  • Promoções e cupons de desconto;
  • Configurações de frete;
  • Gateway de pagamento; e
  • Painel com os indicadores de desempenho da loja virtual.
tray commerce - produtos

Painel Tray Commerce da Locaweb

Diferentemente de um site, a loja virtual é bem mais complexa e trabalhosa, o que costuma demandar uma equipe dedicada, dependendo do porte do e-commerce.

Tipos de loja virtual

Existem várias soluções de e-commerce disponíveis no mercado, indicadas para diferentes tamanhos e tipos de negócio online. Entre as mais simples e econômicas estão as lojas virtuais prontas, que funcionam no modo de aluguel e já costumam incluir hospedagem, SSL e gateway de pagamento. Esse tipo de plataforma também pode atender lojas virtuais maiores, com soluções mais robustas e customizadas.

Temos ainda as plataformas de e-commerce gratuitas (open source), como Magento, OpenCart e Prestashop. Elas oferecem maior flexibilidade, mas exigem um investimento inicial na implantação, já que a loja virtual precisa ser customizada para as suas necessidades. Também é necessário instalar o SSL e contratar a hospedagem à parte.

É possível ainda criar uma solução totalmente customizada, porém com custo superior de implantação e manutenção, já que precisará evoluir com o sistema também.

Qual é mais indicado: site ou loja virtual?

Como vimos, tanto o site como a loja virtual permitem que se venda pela internet, sendo cada uma mais indicada para um tipo de negócio.

Se você deseja vender apenas um produto ou serviço, em pequenas quantidades, e não precisa de um sistema para gerenciar clientes, pedidos e estoque, criar um site pode ser suficiente. Por outro lado, se você quer montar um e-commerce com diversos produtos, e realizar muitas vendas, então o melhor é escolher uma loja virtual!

Agora, tão importante quanto decidir entre um site ou loja virtual, é saber como cuidar do seu e-commerce. Aproveite para conferir essas dicas valiosas para montar uma loja virtual de sucesso! 😉

Por:

Profissional de marketing com mais de 10 anos de experiência na área digital e empreendedora no Tudo sobre Hospedagem de Sites. Apaixonada pelo universo digital, sonha com o dia em que qualquer pessoa poderá ter o seu site na internet.

4 Comentários

  1. Gilberto

    Ola Thatiana! Revendo cosméticos para salões de beleza.Tenho vontade de vender pela internet mas sou muito leigo no assunto e nem sei por onde começar. Gostaria de contar com alguém que me ensine passo a passo este caminho.
    Aguardo uma orientação sua.

    Responder
  2. George

    Parabéns pelos artigos. Tudo escrito em um formato de fácil compreensão.
    Aproveitando sua boa vontade, vou pedir uma ajuda para a colocação na internet de um site (loja virtual?) para a divulgação e venda de produtos artesanais (poucos itens).
    Conclui por registrar o meu dominio no Dominio.br, hospedagem no Hostgator e criar o site no WIX
    1. No WIX tem de ser pelo menos o plano e-commerce por ter a Loja Virtual?
    2. Os templates tem de ser usados como disponibilizados? Posso fazer adaptações para melhor apresentação dos meus produtos? No Word press vejo que é possível, mas não tenho conhecimento técnico.
    Agradeço antecipadamente.

    Responder
    • Tathiana Sobroza
      Cofundadora - Tudo Sobre Hospedagem de Sites

      Olá, George! Que bom que gostou, muito obrigada. 🙂
      Ao optar pelo Wix, não é necessário contratar a hospedagem, pois o Wix já tem a hospedagem incluída no plano. Sobre as perguntas:
      1. Sim, para ter a funcionalidade de loja é preciso contratar pelo menos o plano eCommerce. No entanto, você pode experimentar a loja gratuitamente, antes de publicá-la. Somente na hora de ativar é que faz-se necessária a contratação. Acho útil para conhecer a ferramenta.
      2. Todos os temas do Wix são editáveis, ou seja, você poderá escolher um tema e personalizá-lo conforme desejar. O WordPress te dá uma flexibilidade ainda maior, mas realmente exige um algum conhecimento técnico.
      Espero ter ajudado, mas fico à disposição caso tenha mais dúvidas. Sucesso com o site!

      Responder

Deixe um comentário