O que é site? Entenda o conceito e utilize todos os recursos de um website a seu favor

O que é site
Se você deseja saber o que é site, talvez esteja precisando de um. Em geral, todos nós temos ideia do que é um site. Afinal, precisamos acessá-los para navegar na internet. Mas você já parou para pensar no conceito de site? E como você pode usar um site a seu favor?

Pois bem, nesse artigo nós vamos esmiuçar esse tema. Trataremos aqui do conceito, da estrutura, dos tipos de sites e como eles podem ser importantes para você expressar as suas ideias, projetos e negócios. Vamos conferir?

Conceito de site

Tecnicamente, um site é um conjunto de páginas web (documentos de hipertexto) armazenadas em uma pasta num servidor. Avançando nesse conceito, site significa “lugar” em inglês. Logo, website é um lugar na rede. Pode ser uma rede LAN (a rede interna de uma empresa é um exemplo) ou uma rede de internet, a rede mais comum. Logo, quando falamos “website”, estamos falando de um “lugar na rede.”

Bem, é justamente um lugar na rede o que muitas pessoas procuram quando criam sites. Para entender melhor, pense o seguinte: um corretor de imóveis quer estar presente online. Ele vai querer publicar na internet seguintes informações: quem ele é, quais trabalhos já fechou, qual região atua, irá colocar fotos de empreendimentos que está vendendo e também o endereço e contato.

Ele pode colocar essas informações dentro de um perfil de uma rede social, mas nesse caso, ele ficará dependente do formato e da aparência oferecida pela plataforma escolhida. Já num site, ele terá mais liberdade de criação. Poderá escolher uma aparência que valorize o negócio dele e poderá distribuir as informações da maneira que quiser ao longo das páginas. Percebeu o diferencial que um site oferece?

Estrutura de um site

Agora, vamos conferir as partes básicas de um site. São as seguintes:

Cabeçalho: é a parte superior do site. É no cabeçalho que geralmente se localiza o menu com as páginas. Também é no cabeçalho que geralmente são colocadas as informações principais como o nome da marca, do produto ou da ideia que se pretende divulgar.

Corpo do site: o corpo do site concentra o conteúdo, que pode ser composto por texto, áudio, foto ou vídeo. O site também pode ter diversos recursos como gráficos, jogos, transmissões de vídeo, enfim. São diversas possibilidades.

Rodapé: o rodapé é a barra situada na parte inferior que indica o fim do site.

Veja na ilustração onde essas partes estão localizadas.

Partes de um site: cabeçalho, corpo e rodapé

Todas as páginas estão conectadas por links. Não é à toa que existe a expressão “navegar na internet”. É justamente isso que ocorre. Nós navegamos através dos links de uma página para outra.

A importância dos sites

Nós vivemos o ápice da comunicação e do acesso à informação. Isso ocorre graças à internet. Pense bem, o rádio foi uma revolução para distribuir conteúdo para as pessoas. Depois disso, a televisão foi a segunda onda revolucionária da era moderna. Agora, a internet proporciona um novo momento. Estamos numa era em que além de consumir informação, todos podem ser geradores de conteúdo. E esse é ponto mais valioso da internet: a possibilidade de dar voz a todos.

São diversas as ferramentas para que as pessoas se manifestem na internet. Espaços de comentários em notícias e posts de blogs e redes sociais são as mais comuns. De todas as possibilidades, o site sempre foi considerado o recurso mais completo, mas até certo tempo era uma opção cara. Agora, finalmente esse cenário mudou. Os sites estão se tornando cada vez mais acessíveis.

Com diversos serviços com baixo custo ou até mesmo gratuitos, todos podem estar online para divulgar suas ideias e projetos. No caso dos empreendedores, os sites são essenciais para dar mais visibilidade e credibilidade online.

Os principais tipos de sites

Os tipos de sites estão relacionados com os propósitos de cada um na internet. Além do site tradicional, vale citar a loja virtual e o blog. Veja abaixo mais informações.

Site

Conforme já mostramos aqui, o site oferece um universo de possibilidades. Um fotógrafo pode criar um site para divulgar o portfólio, uma professora pode criar um site para mostrar as ações de ensino desenvolvidas na escola para os alunos, um médico pode criar um site para agrupar informações sobre a área de conhecimento dele e por aí vai! Ou seja, qualquer um pode ter um site para os propósitos mais diversos possíveis.

Loja virtual

Também conhecido como e-commerce, esse modelo de site é voltado para quem quer vender produtos na internet. Em geral, utiliza um template específico para facilitar a experiência do usuário na compra. A loja virtual possui um carrinho de compras e também recursos para o cliente efetuar o pagamento online. Se você acaba de descobrir que esse é o seu caminho, acesse esse guia para montar uma loja virtual.

Blog

Se você cria um site com o objetivo específico de compartilhar conteúdo, o blog é a sua praia. Sendo assim, você tem um site que é um blog. Você também pode ter um site e  destinar um espaço dentro dele específico para a criação de conteúdo, nesse caso, é um blog dentro de um site. Assim como a loja virtual é um site voltado para as vendas, o blog é um site voltado para a produção de conteúdo. Se você tem interesse em criar um blog, acesse este artigo.

Por que ter um site?

Os sites são úteis para diversos propósitos. Os empreendedores encontraram nos sites uma ótima forma de promover os negócios. Os blogs, por sua vez, se tornaram ferramentas eficazes de marketing digital. Pode notar: toda empresa grande tem um blog dentro do site. É uma forma de atrair potenciais clientes e criar um maior engajamento da marca com o seu público, além de gerar mais oportunidades para aparecer nas pesquisas que os usuários fazem no Google ou outros buscadores.

Além dos negócios, criar um site é um excelente recurso para divulgar ideias. Pense bem: você quer mostrar para o mundo a importância das abelhas para o ecossistema. Como vai divulgar essa ideia? Tudo bem. Pode bombar nas redes sociais. Mas com certeza criar um site para esse projeto dá bem mais credibilidade.

Além disso, ter uma ideia, um propósito ou um negócio online representa quebrar barreiras. No mundo real, certamente o seu negócio não funciona 24 horas por dia. Já na internet, as suas ideias podem ser acessadas a qualquer hora. Enquanto você dorme, o seu conteúdo pode ser acessado lá no Japão (se a pessoa entender português ou se usar ferramentas de tradução). Aliás, o projeto que você quer divulgar pode estar em todos os lugares! Não apenas no âmbito regional.

Bem, eu poderia ficar horas e horas discorrendo sobre as vantagens de criar um site. São muitas. Mas vou economizar caracteres e parar por aqui. Falando em economizar… Vamos tratar de valores!

Quanto custa ter um site

O custo de um site depende da complexidade e dos recursos que serão utilizados para a criação. Em geral, para criar um site é necessário fazer um investimento nos seguintes itens: o domínio, a hospedagem, a aparência e o conteúdo.

O domínio é o endereço do seu site na internet. A maioria dos domínios custa entre 30 e 50 reais por ano, mas em algumas situações o custo pode variar bastante. Pode sair de graça (quando contratado dentro de um plano de serviços com algumas empresas) ou pode sair bem mais caro (quando são escolhidas terminações especiais).

Outro aspecto básico para a criação de um site é a hospedagem. É na hospedagem que os arquivos do seu site ficarão armazenados. As opções mais baratas são de hospedagem compartilhada. Os valores ficam por menos de 10 reais por mês. São diversos os planos oferecidos, veja as opções em nosso ranking de hospedagem de sites.

Em relação à aparência, mais uma vez são diversas as possibilidades. É possível optar por um template pronto ou então contratar um web designer. Para quem está começando, o ideal é optar por um criador de sites.

Agora, se você tem planos mais ousados, tanto de qualidade da plataforma quanto de tráfego, você pode apostar no WordPress, que é usado em boa parte dos sites profissionais da internet.

Para se aprofundar no assunto, vale você acessar o artigo que explica detalhe por detalhe do quanto custa ter um site.

Como criar um site

Como eu já mencionei, criar um site está cada vez mais fácil. No passado, era necessário investir um bom dinheiro e contratar um especialista para desenvolver as páginas na plataforma, hoje existem ferramentas que possibilitam a criação de um site por qualquer pessoa, até mesmo para alguém que seja absolutamente leigo no assunto.

São passos simples: basta registrar um domínio, escolher a plataforma, o template e iniciar a produção. Algumas plataformas oferecem o serviço de maneira absolutamente simplificada. É possível criar um site em minutos. Com o tempo, você pode apostar em recursos mais avançados.

Se você se empolgou com a ideia, sugiro que acesse o nosso artigo que explica como criar um site. Essa leitura vai te introduzir ao mundo de criação de sites. Vale a pena!

E se quiser compartilhar conhecimento, dúvidas ou ideias sobre o tema, o espaço de comentários está aberto pra você!

,

Publicado originalmente em 25/01/2018 - Atualizado em 20/04/2018

Por:

Jornalista com experiência em TV, rádio, revista e jornal. Tem artigos publicados em veículos de imprensa do Brasil e do exterior. Acredita que cada texto produzido tem o poder de transformar vidas e por isso zela pela qualidade e relevância de todos os conteúdos que tem em mãos.

4 Comentários

  1. Sérgio P. Pinheiro

    Excelente, iniciante no mundo da internet, tenho sede de conhecer tudo, se possível, e adorei todas as dicas, o texto é ótimo, informativo, esclarecedor, muito bom, quero agradecer, muito obrigado e…um abraço!

    Responder
    • Bill Bordallo
      Cofundador - Tudo Sobre Hospedagem de Sites

      Olá, Sérgio,
      Obrigado pelo comentário, ficamos felizes em saber. 🙂
      Se tiver qualquer dúvida relacionada aos assuntos do site, pode entrar em contato conosco e tentaremos ajudá-lo.
      Um abraço!

      Responder
  2. Correia Meneck

    gostei dos ensinamentos. vou avançar c a ideia de criar um site.

    Responder
    • Redação
      Equipe Tudo Sobre Hospedagem de Sites

      Olá, Correia,
      Obrigado pelo comentário. 🙂

      Responder

Deixe um comentário

Todos os comentários são moderados. Então, seu comentário não será exibido imediatamente após o envio.
Mas fique tranquilo(a), porque ele será respondido em breve. 😉