Quer fazer um site crescer? Saiba os itens que são indispensáveis para aumentar a audiência em 2018

Como fazer um site crescer em 2018
Num mundo em que quase a metade da população está conectada à internet, milhares de sites são criados diariamente. Só aqui no Brasil, cerca de 450 novos domínios são registrados a cada dia e quando são colocados no ar,  se juntam aos outros mais de 1 bilhão de sites já existentes em toda a internet. Nesse universo com tantas páginas fica a pergunta: qual é o segredo para fazer um site crescer e dar certo?

Claro! O conceito de “dar certo” é relativo. Depende dos objetivos de cada um no ambiente online. Mas em geral, quem cria um site quer comunicar algo a alguém. Ou seja, está buscando audiência. É o que todos buscam. E agora, o passo seguinte: como conseguir essa tão almejada audiência? Bem, existem vários métodos utilizados pelos sites profissionais. Boa parte desses recursos estão focados em SEO (em inglês, Search Engine Optimization).

É que uma grande fatia da audiência dos sites vem das buscas realizadas em mecanismos de pesquisa como o Bing ou o Yahoo. Agora, o buscador mais utilizado é o Google, que figura como o site mais acessado no mundo. Ou seja, ele dita as regras!  Funciona assim: a pessoa quer comprar um tênis confortável. Ela vai lá e digita no Google “tênis confortável”. O usuário verá alguns anúncios e as páginas consideradas mais relevantes para essa pesquisa. Cerca de 90% dos usuários clicam nos resultados da primeira página e nem vão para a segunda. Então, já ficou claro: se você pensa em aumentar audiência, precisa estar atento aos algoritmos do Google para poder figurar na primeira página.

Mas não acabou! Os algoritmos mudam com certa frequência. Para garantir que as pessoas encontrem o que procuram e também garantir a qualidade dos sites que aparecem nas primeiras páginas, o Google tem sido cada vez mais exigente. Isso é ótimo para o usuário! Esses critérios para poder aparecer entre os primeiros resultados tornam os sites ainda mais qualificados. E é justamente isso que você precisa observar para fazer o seu site crescer em 2018. Você precisa focar em aspectos que irão melhorar a experiência do usuário e tornar a sua página mais relevante.

Mesmo com as mudanças frequentes nos algoritmos e também nas tendências do mercado, existem alguns itens que já se tornaram indispensáveis para quem tem um site. São eles: o conteúdo, a segurança, a responsividade e a velocidade. Já que estamos falando de avanços, certamente você também precisa investir em monitoramento da sua audiência. Eis aí o quinto tópico da nossa lista!

Esses aspectos se fortaleceram nos últimos anos e seguirão consolidados em 2018. Além de garantirem uma melhor experiência do usuário no seu site, também são importantes para o SEO. Nós vamos abordar cada um desses pontos em detalhes. Vamos conferir?

1. Conteúdo: a parte mais importante do seu site

Em 1996, Steve Jobs, o fundador da Apple, escreveu um texto com o título “o conteúdo é rei.” Ele estava projetando o futuro da recém-lançada internet e apostando que se formaria um mercado de ideias, experiências e produtos. Na visão dele, a internet seria impulsionada por um “mercado de conteúdo”. Muita coisa mudou de lá pra cá, mas essa expressão segue fazendo sentido. De fato, hoje o conteúdo é rei. Na imensidão de páginas da internet, ganha quem tem mais relevância. Ganha quem tem conteúdo de qualidade.

Para produzir um conteúdo de alta qualidade é necessário compreender o perfil e a intenção do seu público.
Você precisa analisar a sua audiência: para quem você está escrevendo, como essas pessoas pesquisam e o que elas procuram.
O conteúdo precisa ser compatível com o seu público: Qual o perfil deles? Preferem vídeos, texto, infográfico ou outro recurso? Você está produzindo conteúdo numa linguagem em que eles costumam se comunicar?
Você precisa saber como chegar até o seu leitor:você utiliza palavras-chave? Você está usando os termos certos para atrair o seu público? Sabe aplicar técnicas de SEO?

Os textos longos costumam se classificar melhor nas buscas porque são mais completos e fornecem mais detalhes ao leitor. Links internos para outros conteúdos relevantes e palavras-chave colocadas de forma adequada também ajudam numa boa classificação.

E finalmente: o seu conteúdo é útil? Satisfaz as necessidades do seu leitor e entrega o que ele está procurando? Se você não prestar atenção nesses aspectos o usuário não irá consumir o seu material ou ficará pouco tempo no seu site.  Apresentar um bom conteúdo faz você ganhar autoridade naquele assunto e credibilidade com a sua audiência. Além disso, você estimula o engajamento e tem mais chances de atrair comentários e compartilhamentos.

2. Segurança: um fator-chave para proteger os dados da sua audiência

A segurança do seu site é um fator cada vez mais relevante dentro de uma estratégia para atrair audiência. Primeiro porque os seus usuários esperam isso de você, segundo porque é importante manter a segurança das informações que trafegam na sua página e em terceiro lugar porque esse é um elemento de ranqueamento do Google. A última pesquisa da SEMrush sobre os fatores de ranqueamento mostrou que 65% dos sites que figuram no topo das buscas usam o HTTPS, protocolo que garante mais privacidade e segurança na rede. Ou seja, a sua página estará melhor posicionada se ela for segura.

Dentre os recursos de segurança de um site se destaca o SSL, que é de absoluta importância para a proteção dos dados que trafegam entre os usuários e a hospedagem (ou servidor). Para ter essa proteção, basta você instalar um certificado. Ele verifica que a origem das informações é de fato o domínio informado. Verifica até mesmo informações da empresa em questão, dependendo do tipo de certificado. O resultado é que os dados que trafegam nos sites com certificado SSL ficam em total segurança através da criptografia. Se alguém de má-fé interceptar a transmissão, não poderá acessar as informações. Só terá acesso a mensagens criptografadas.

Instalar o certificado digital é rápido e fácil. Além dos certificados pagos, também existem opções gratuitas. O Let’s Encrypt é o certificado gratuito mais popular da internet. Depois que você fizer a instalação, terá o selo de site seguro na sua página, que é a figura de um cadeado antes da URL. Caso não tenha, aparece um ponto de exclamação e a notificação de que o site não oferece essa segurança.

Se você tem uma loja virtual, o certificado SSL é obrigatório. Imagina os seus clientes disponibilizarem os dados do cartão de crédito sem ter essa proteção? Se você quer identificar o melhor certificado para o seu site, leia esse artigo que mostra as opções disponíveis de SSL.

3. Responsividade: melhor experiência para o seu usuário

O celular já é o principal meio de acesso à internet no Brasil, segundo o IBGE. Certamente o seu site tem grande volume de acesso por smartphones. Além disso, existem diversos outros tipos de dispositivos que são usados para visitar a sua página. Isso evidencia que o seu site precisa estar adaptado para todos os tamanhos de telas. Ou seja, precisa ser responsivo.

Esse aspecto também é de absoluta importância para o Google. Recentemente, a empresa lançou um guia de iniciação para SEO e um dos tópicos é: faça o seu site mobile-friendly. Já que a maior parte das buscas atualmente tem origem em celulares, os sites que estão adaptados para este tipo de dispositivo passaram a ser priorizados no ranqueamento quando as pesquisas são feitas por mobile.

Se você vende produtos online, saiba que cada vez mais as pessoas usam o celular para fazer compras pela internet. A última pesquisa da PwC, rede de empresas que realiza estudos na área de negócios, mostrou a importância dos dispositivos móveis para as vendas online. O número de compras através de smartphones dobrou nos últimos 5 anos no Brasil. Em 2013, 15% dos entrevistados disseram fazer compras pelo celular. Em 2017, esse número subiu para 31%.

Mesmo que você já tenha adaptado o seu site para a visualização em dispositivos móveis, vale a pena fazer esse teste disponível no site do Google. Basta digitar a sua URL e você receberá um diagnóstico completo sobre os aspectos que podem ser melhorados. Se você quer saber mais sobre o assunto, leia o nosso artigo que mostra como ter um site para celular.

4. Velocidade: a rapidez do seu site importa mais do que você imagina

Com o tráfego de tantos dados na internet e com tantas páginas para serem acessadas, todos buscam agilidade. Nesse contexto, páginas que demoram a carregar ficam pra trás e perdem audiência. Por isso, a questão da velocidade é cada vez mais valorizada. Ter um site ágil reduz os custos operacionais, garante uma melhor experiência para o usuário e também conta pontos para um melhor posicionamento nas buscas.

O Google divulgou uma pesquisa em que 53% das visitas aos sites feitas por celular são abandonadas quando as páginas demoram mais de 3 segundos para carregar. Segundo o Google PageSpeed, site que reúne recursos para tornar as páginas mais rápidas, é recomendado que os primeiros conteúdos de um site carreguem em menos de 1 segundo num dispositivo móvel. Será que o seu site está nesse padrão? Você pode utilizar essa ferramenta do Google para fazer um diagnóstico. Você coloca o endereço do seu site e recebe uma pontuação de 0 a 100. Quanto mais próximo de 100, melhor o seu desempenho. No relatório, você também recebe sugestões de melhorias.

São diversos os fatores que podem tornar o carregamento da sua página mais ágil. Entre eles, cabe destacar a importância de escolher um design que seja compatível com todos os dispositivos. E mais: todas as imagens que você incluir devem estar comprimidas e com a extensão e dimensão adequadas. Saiba como fazer isso neste artigo que mostra as principais regras para otimizar imagens. Para saber mais sobre a influência da velocidade no SEO, leia este artigo que fornece uma série de dados e ferramentas para tornar o seu site mais veloz.

5. Métrica: você precisa medir o seu progresso para evoluir ainda mais

Só tem uma forma de identificar o crescimento do seu site: através da análise de dados. Essa técnica é utilizada por todos os sites profissionais. Olhar os bastidores da página é uma forma de ver o que está dando certo e o que pode melhorar.

Existem várias ferramentas para fazer essa medição. Vale destacar o Google Analytics e o Search Console. O primeiro fornece todas as informações sobre o comportamento da sua audiência. Você consegue identificar quem está acessando o seu site, como esse usuário chegou até você e quanto tempo ficou, além de diversas outras informações. Já o Search Console é uma ferramenta que mostra como o Google vê o seu site. Você consegue identificar como você aparece nas pesquisas, como está o uso das suas palavras-chave e como a sua página é rastreada e indexada, além de outros dados.

Nessas duas ferramentas é possível entender quais conteúdos estão fazendo mais sucesso, quais têm uma taxa de rejeição alta e podem ser otimizados, como o Google está indexando o site e quais problemas podem estar afetando os resultados. Ao medir e aperfeiçoar os pontos que precisam de atenção, você terá melhores resultados.

Conclusão: Fazer um site crescer depende da sua dedicação

Não existe fórmula mágica. O crescimento de um site está diretamente relacionado com o seu investimento. Se você produzir um bom conteúdo na sua área e também estiver atento aos critérios para estar bem posicionado nas pesquisas dos seus usuários, você verá a sua audiência crescer.

Ao produzir conteúdo, não pense em cliques. Você deve pensar em como o conteúdo produzido será útil ao seu usuário e como você vai entregar aquilo que ele procura. A experiência no seu site precisa ser agradável. Se for lenta ou insegura, irá aborrecer o usuário e ele irá embora. Encare o seu site como um reflexo do seu negócio ou da ideia que você quer expor na internet. Dedique atenção a ele. Cuidar do seu site é o primeiro e mais relevante passo para que ele seja apreciado e valorizado pela sua audiência. Bem, agora que você já sabe quais são os principais aspectos para fazer o seu site crescer, nós sugerimos que você se dedique a melhorar a experiência do usuário. Neste artigo você encontrará 11 dicas que vão ajudar a fidelizar os visitantes da sua página.

Por:

Jornalista com experiência em TV, rádio, revista e jornal. Tem artigos publicados em veículos de imprensa do Brasil e do exterior. Acredita que cada texto produzido tem o poder de transformar vidas e por isso zela pela qualidade e relevância de todos os conteúdos que tem em mãos.

Deixe um comentário