Fan page ou site: qual é o melhor para o seu negócio?

fan page ou site

Quem tem um pequeno negócio, provavelmente já pensou em diversas formas de divulgar a sua empresa no maior meio de comunicação da atualidade: a internet.

Existem diversos motivos pelos quais a sua empresa deve estar presente na web. Mas depois de entender o porquê, é preciso pensar no como. Websites e fan pages no Facebook são as formas mais comuns de presença online, mas qual delas é a melhor: fan page ou site? Se tiver um, é necessário ter o outro? Como administrá-los?

Quer saber as respostas para essas e outras perguntas? Continue acompanhando o post!

Site e fan page são a mesma coisa?

Não, eles são bem diferentes. A verdade é que cada um servirá a um propósito, agregando valor para a sua estratégia de marketing e te destacando da concorrência de maneiras distintas.

E por isso, no post de hoje, explicaremos as vantagens e desvantagens de cada um, para te ajudar a decidir qual é o melhor para o seu caso: fan page ou site?

Fan page (Facebook)

fan page

Na era das redes sociais, quase todo mundo tem um perfil no Facebook, o que torna a ideia de criar uma fan page nesta plataforma muito interessante, devido ao seu alcance. No Brasil, 8 em cada 10 brasileiros estão conectados no Facebook. E quando analisamos o tempo nas redes sociais, o Brasil é líder, com a média de 650 horas mensais, o que representa 60% mais tempo do que a média mundial.

Como o Facebook é tão popular, você deve estar pensando que precisa colocar o seu negócio nesta rede, afinal seus clientes estão lá, certo? A resposta é sim, mas antes é preciso entender como as fan pages funcionam e qual a melhor forma de usar esta rede como uma oportunidade para o seu negócio.

Vantagens

A fan page oferece versatilidade e, o mais importante, proximidade com o cliente. Por meio dela, é possível divulgar seus produtos e serviços, e principalmente, estreitar o relacionamento com a sua audiência através de conteúdos relevantes e interessantes. Fotos, vídeos e textos são apenas alguns dos conteúdos que você pode compartilhar através da sua página.

Além disso, atualmente os consumidores buscam por indicações antes de realizar qualquer compra. Por isso, ter bons reviews na sua página do Facebook pode ser uma ótima forma de chamar a atenção do seu público-alvo e gerar credibilidade para a sua marca. Com uma boa reputação online, a propaganda boca-a-boca funciona ainda melhor.

Outra vantagem de criar uma fan page é que não custa nada, além de um pouco de tempo. Em poucos minutos você cria sua página e ainda pode convidar a sua rede de contatos para curtir. É realmente muito fácil começar.

Desvantagens

A primeira delas é que com uma fan page você fica sujeito às regras do Facebook, que podem mudar a qualquer momento e fazer o seu trabalho ir por água abaixo. Quem conheceu o Orkut, sabe o que quero dizer. A rede social, que um dia foi a maior no país, simplesmente desapareceu.

Além disso, mesmo com toda sua versatilidade, uma página do Facebook não é totalmente personalizável, sendo mais difícil deixá-la com a cara da sua marca. A sua identidade visual está restrita a uma imagem de capa e uma de perfil, basicamente.

espaço para seu conteúdo também é restrito, não sendo possível apresentar em detalhes um novo produto, com especificações, preços e outras informações. O Facebook é um canal para mensagens curtas, com predominância de imagens, e links para páginas externas, que explicam melhor o conteúdo compartilhado.

Também é importante lembrar que o Facebook é uma rede social, utilizada pelos usuários como forma de entretenimento. Sendo assim, é preciso ter cautela nas postagens, para não ser visto como uma marca que só quer vender, e não se relacionar com a sua audiência. É necessário saber ouvir e interagir com os fãs da sua marca, e não apenas “falar”.

Finalmente, por ser uma rede social, suas postagens são organizadas conforme a data de publicação, por isso tendem a desaparecer da timeline com o tempo. Em outras palavras, uma informação importante que você publique hoje dificilmente será encontrada pelo usuário depois de algum tempo, a não ser que ele procure muito. Com a redução do alcance orgânico pelo Facebook então, cada vez menos fãs visualizam a sua postagem, o que infelizmente só pode ser resolvido com publicações patrocinadas na rede.

Site

site

O site representa a sua marca no mundo virtual. Com ele, é possível compartilhar os valores da empresa e divulgar seus produtos e serviços, fornecendo ao visitante todas as informações sobre o seu negócio. Um site, quando feito de forma profissional, aumenta a confiabilidade da sua empresa e permite atrair novos clientes e fidelizar os antigos.

Ter um site é cada vez mais comum no mundo dos negócios, e até esperado pelos seus clientes. Com a escassez de tempo e o fácil acesso à internet, a maioria das pessoas busca informações sobre as empresas na web, e fica frustrada quando não encontra o que procura. Estar presente na internet torna-se essencial para causar uma boa impressão e gerar negócios futuros.

Mas por que ter um site?

Apesar dos benefícios de ter o seu negócio em uma rede social, como o Facebook, ter um site apresenta muitas outras vantagens, que vamos detalhar a seguir:

Organização das informações

Por ter uma estrutura fixa, as informações mais importantes sobre o seu negócio ficam sempre visíveis e destacadas em seu site. As seções podem ser facilmente encontradas pelo menu, e promoções e novidades podem sempre ganhar um espaço de destaque no site. É possível conhecer em detalhes os produtos e serviços, e em alguns casos, comprar no próprio site ou solicitar um orçamento, através de um formulário. É um espaço totalmente controlado e mantido pelo dono do site.

Personalização e controle

Em um site você pode personalizar todos os elementos que desejar, deixando-o com a identidade do seu negócio. Tudo é customizável: estrutura de páginas, navegação, textos, imagens e quaisquer conteúdos que quiser inserir no seu site. Este maior controle permite também que você atualize e aperfeiçoe o seu site sempre que quiser, tornando-o cada vez melhor para os seus visitantes.

Mensuração

O site te permitirá mensurar, com maior exatidão, o retorno dos seus investimentos e a efetividade das suas campanhas. Isso é possível com a instalação gratuita do Google Analytics, que fornecerá diversos dados importantes sobre o tráfego no seu domínio, permitindo direcionar melhor os seus esforços e otimizar os resultados.

Ferramenta de vendas

Outra vantagem é que um site é uma forte ferramenta de vendas. Isso porque é possível criar um e-commerce e alcançar o seu público-alvo, independentemente de onde ele esteja, eliminando as barreiras geográficas. Também pode-se criar formulários de contato, orçamento online e diversas outras ferramentas que auxiliam nas vendas.

Marketing de conteúdo

Ao criar um blog corporativo vinculado ao seu site, você poderá oferecer conteúdo útil e relevante para o seu público. O marketing de conteúdo diz respeito a essas técnicas que buscam gerar autoridade e fazer com que a sua empresa se torne referência no mercado.

Esse conteúdo deverá ser relacionado ao seu nicho, buscando criar valor para o cliente. Isso tudo visando fazer com que os consumidores reconheçam a sua marca, gostem dela e confiem nela o suficiente para querer fazer negócio com você!

Facilidade para ser encontrado

Com um site, seu negócio pode ser encontrado com mais facilidade pelo seu público, que está te procurando na internet através do Google. Se você for além e otimizar o seu site através das técnicas de SEO, ampliará ainda mais o seu alcance, sendo encontrado por pessoas que não conhecem o seu negócio, mas estão procurando por produtos e serviços semelhantes ao que você oferece.

O Search Engine Optimization — SEO — busca tornar o seu site e o seu conteúdo otimizados por meio de diversas técnicas, dentre elas o uso de termos e palavras-chave para o seu negócio. Isso fará com que o seu site seja bem ranqueado pelo Google e outros mecanismos de buscas.

E por que o ranqueamento do Google é importante? Porque aparecer nos primeiros resultados de buscas relacionadas ao seu nicho de mercado será a diferença entre ser visto ou não. Nos dias de hoje, é assim que os clientes acham as empresas com as quais se relacionarão.

Isso equivale, se comparado ao marketing de alguns anos atrás, a quase como aparecer no intervalo do horário nobre da televisão. Acontece que, atualmente, o consumidor possui várias opções para fugir dos comerciais. Assim, por meio da internet e de motores de busca, como o Google, é que ele também poderá conhecer as empresas de quem comprará.

E as desvantagens?

Para ter um site, é preciso cuidar dele. Isso significa dedicar ao menos um pouco de tempo e investimento na criação e manutenção do seu site.

Atualmente há diversas ferramentas que facilitam a criação de sites por pessoas sem conhecimento técnico, mas também é possível contratar profissionais ou agências para criar o seu site. Dependendo da sua escolha, os custos e prazos podem variar bastante, assim como a qualidade e o nível de personalização do seu site. Também há opções para criar um site grátis, mas elas são mais limitadas.

Além da criação do site propriamente dito, é preciso comprar um domínio. Ele funciona como o endereço do seu site e custa a partir de R$ 30 por ano. Também é preciso contratar uma hospedagem para o seu site, que no plano básico costuma custar entre R$ 7 e R$ 35 por mês. Para ter uma ideia melhor sobre esses custos, leia nosso artigo: Quanto custa ter um site?.

Sobre a manutenção, não é preciso atualizar um site diariamente, mas um site com informações desatualizadas causa uma péssima impressão em quem o visita. A maioria das plataformas atualmente possui um gerenciador, de onde você insere, edita e exclui os conteúdos do seu site, sem precisar de nenhum conhecimento técnico.

Manter o seu site atualizado é algo simples, mas que deve fazer parte do seu dia a dia, como trocar a vitrine da sua loja, criar promoções ou gerenciar suas vendas. O site é parte do seu negócio e precisará ao menos de um pouco da sua atenção. Se você tiver uma equipe que possa fazer isso por você, está ótimo também.

Afinal, o que é melhor: fan page ou site?

tenha fan page e site

Como pudemos ver ao longo do artigo, o melhor é ter os dois: um site e uma fan page para o seu negócio. No entanto, o mais importante e prioritário é o site.

Em estratégias eficientes, as fan pages são usadas para ampliar o alcance de conteúdos postados nos canais principais da empresa. Quando temos um site, por exemplo, criamos conteúdo relevante e replicamos esse conteúdo nas redes sociais, aumentando a divulgação e gerando engajamento.

Sendo assim, criar uma fan page somente, sem um site bem estruturado, acaba tornando o seu poder de divulgação menor. Além disso, a sua empresa perderia diversas oportunidades de negócio sem um site, visto que não são todos os usuários da internet que possuem perfil nas redes sociais e esses canais não são adequados para todas as situações.

Gostou das nossas dicas e está pronto para investir no site do seu negócio? Veja nosso artigo sobre como criar um site WordPress ou conheça uma ferramenta fácil e simples de criar o seu site: o criador de sites.

Caso tenha alguma dúvida ou comentário, escreva para a gente! 🙂

,

Publicado originalmente em 31/05/2016 - Atualizado em 20/04/2018

Por:

Tudo Sobre Hospedagem de Sites é um site independente e que se propõe a ser exatamente o que sugere seu nome: uma fonte de conhecimento relevante sobre o universo de hospedagem de sites.

4 Comentários

  1. Fernanda

    Sou um representante comercial de uma loja on line e a empresa me dá um nome personalizado pra que eu a divulgue e direcione pra mim as respectivas comissões. Mas eu quero ter um registro meu para divulgar e redirecionar os clientes para o site da loja On line. O que eu quero registrar é meunome.com.br e o que já existe é o meunome.nomedaloja.net
    Consigo fazer esse redirecionamento com facilidade?

    Responder
    • Redação
      Equipe Tudo Sobre Hospedagem de Sites

      Olá, Fernanda,
      Sim, você consegue com facilidade redirecionar um domínio próprio para o endereço da sua loja personalizada. O Registro.br, inclusive, lançou recentemente esta funcionalidade. Veja como funciona neste artigo. Tem só uma questão importante: este redirecionamento ocorrerá apenas na base do domínio, ou seja, usuários que acessarem seudominio.com.br serão direcionados para o endereço da sua loja atual, que está dentro do domínio da empresa que fornece o serviço (meunome.nomedaloja.net). Para configurar o seu domínio completamente na loja online, é necessário verificar se a loja possui esta funcionalidade. Caso não possua, apenas o redirecionamento simples poderá ser utilizado.
      Se pudermos ajudar com mais alguma informação, basta entrar em contato.
      Abraços.

      Responder
    • Redação
      Equipe Tudo Sobre Hospedagem de Sites

      Olá, Sabino!
      Infelizmente não temos um profissional para te indicar, mas você pode encontrar bons profissionais em sites como o 99Freelas. Você também pode pedir indicações para amigos que já tenham contratado este tipo de serviço ou ainda procurar no Google, mas com o cuidado de se certificar que é um profissional sério, antes de contratá-lo. Boa sorte! 🙂

      Responder

Deixe um comentário

Todos os comentários são moderados. Então, seu comentário não será exibido imediatamente após o envio.
Mas fique tranquilo(a), porque ele será respondido em breve. 😉