O que é um servidor web (web server)

O que é um servidor web

Qualquer pessoa que utiliza a internet, seja para acessar um site, conferir e-mails ou interagir em uma rede social, está interagindo, de alguma forma, com um servidor web. Chamado originalmente de web server, em inglês, ele é o responsável por responder a todas as solicitações feitas para um endereço na internet.

O servidor web é o coração de qualquer empresa de hospedagem de sites. Sem ele, a internet como a conhecemos provavelmente não existiria. Neste artigo, vamos descobrir o que é um servidor web e para que serve. Veremos também que existem dois significados diferentes para esta expressão e como diferenciá-los.

Se você deseja saber mais sobre o assunto, continue conosco! 👇

Diferenciando um servidor web… de um servidor web!

De maneira simplificada, podemos dizer que um servidor web é um computador que hospeda um ou mais sites/aplicações na internet. No entanto, o termo servidor web pode se referir tanto ao equipamento físico (hardware) quanto ao programa (software) contido neste equipamento. Também é comum encontrar o termo se referindo a ambos os casos (hardware e software).

A diferenciação entre um servidor equipamento e um servidor programa será feita baseada no contexto no qual a expressão é utilizada. Vamos entender a seguir como identificar cada caso.

Servidor web – equipamento

Um site é composto por um compilado de arquivos digitais que são interpretados pelo navegador e exibidos na tela de um computador/dispositivo. Para que possa ser acessado por qualquer pessoa, os arquivos de um site precisam estar armazenados em algum lugar. Mais precisamente, em um computador que esteja ligado à internet 24 horas por dia. Este computador é conhecido como Servidor Web.

Um servidor possui componentes internos semelhantes aos encontrados em um computador pessoal, como por exemplo um HD, memória RAM, placa mãe, etc. Entretanto, sua arquitetura é otimizada para a tarefa de ser um servidor. Assim, existem equipamentos especializados nesta função, como veremos a seguir.

Torre e rack

Os servidores do tipo equipamento físico são encontrados em duas formas diferentes: os de torre e os de rack. Durante anos, os servidores do tipo torre eram o padrão. No entanto, com o aumento da demanda e com a criação dos grandes data centers, os servidores do tipo rack se tornaram muito mais populares. A razão é a alta capacidade de expansão que o formato rack proporciona, já que é possível agrupar e interligar, em uma única coluna de rack, dezenas de servidores.

Servidores do tipo rack e torre

Assim como em um computador pessoal, um servidor web possui um sistema operacional e diversos programas podem ser instalados nele. Isso inclui programas específicos para executar determinadas tarefas, como enviar páginas de um site pela internet, enviar e receber e-mails, armazenar e fornecer arquivos, entre outras. A esses programas, também atribuímos o nome de servidor web, como veremos mais adiante.

Posso ter um servidor em casa ou em minha empresa?

Qualquer pessoa poderia, se desejasse, hospedar um site em casa, fazendo do seu computador pessoal, um servidor. No entanto, esta prática não é recomendada, pois envolve uma série de cuidados e manutenção constante. Isso inclui, entre outras coisas, garantir que o servidor estará sempre ligado e operante, 24 horas por dia (apesar de possíveis quedas no fornecimento de luz); que a conexão com a internet estará sempre funcionando; e diversos outros detalhes técnicos que não cabem listar aqui. Além disso, o responsável pelo servidor teria que ficar a postos para prestar suporte para seus clientes (se houvessem) caso exista qualquer instabilidade ou problema relacionado ao funcionamento da máquina.

Por essa razão, é mais conveniente (e seguro) terceirizar a manutenção de um servidor web com uma empresa especializada no assunto. E são muitas hoje em dia. Um servidor web geralmente está alocado em um data center administrado por uma empresa de hospedagem.

Servidor web – programa

Ao acessar um site na internet, o navegador (Chrome, Firefox, Edge…) se comunica com o servidor, solicitando e recebendo os dados da página em questão. Como mencionado, o servidor físico possui programas específicos para responder ao tipo de solicitação realizada. No caso de um site, esta solicitação é feita através de um protocolo conhecido como HTTP (protocolo de transferência de hiper-texto, da sigla em inglês). Todos os sites na internet trafegam utilizando este protocolo (ou sua versão segura, conhecida como HTTPS). Assim, existem programas específicos para responder à solicitações do tipo HTTP. Este tipo de programa também é conhecido como servidor web.

Para outras solicitações, diferentes tipos de servidor web são utilizados, como por exemplo, para o envio e recebimento de e-mails. Um servidor web que envia e recebe e-mails pode ser instalado no mesmo computador (servidor) utilizado para requisições HTTP.

Veja abaixo alguns exemplos de servidores web (software) comumente encontrados em servidores web (hardware):

  • Servidor HTTP – envia os arquivos que compõem um site.
  • Servidor FTP – realiza upload e download de arquivos entre computadores e servidores.
  • Servidor de e-mail – envia, recebe e armazena e-mails.
  • Servidor de banco de dados – armazena dados em uma estrutura específica.

Assim, quando requisitamos uma página na internet, o pedido será enviado para o servidor que contém os arquivos do site em questão. Quando a requisição chega no servidor, o software nele contido se responsabilizará por processar as informações solicitadas e responder de acordo.

Navegador e servidor web

Ilustração simplificada do que ocorre ao acessar um site: a solicitação parte do navegador e chega ao servidor. Este, por sua vez, responde enviando os arquivos que compõem a página em questão.

Um servidor web pode receber solicitações e enviar arquivos para milhares de usuários simultaneamente ou em um curto espaço de tempo.

Tipos de servidor web

Existem diversos tipos de servidor web disponíveis no mercado, incluindo softwares pagos e gratuitos. Entre os mais populares, podemos citar o Apache, o Nginx e o Microsoft IIS como os mais usados atualmente. Segundo dados do W3 Techs de julho de 2017, o Apache é o líder, sendo utilizado em 49% de todos os sites na internet. Ele é seguido pelo Nginx, presente em 34% dos sites, e pelo IIS, da Microsoft, presente em 11% dos sites. Dos três, apenas o produto da Microsoft é pago, sendo os demais gratuitos e de código aberto.

Na lista, também constam outros, como LiteSpeed, Google Servers, Tomcat e Node.js.

Todos estes tipos de servidores web possuem diferenças entre si, mas é importante saber que eles são usados para propósitos semelhantes, que é o de servir conteúdo baseado em requisições do tipo HTTP.

Sistema operacional

Quanto ao sistema operacional, embora existam vários, geralmente encontramos dois tipos de SO em servidores web: Linux ou Windows. Os servidores Linux estão presentes na maior parte dos web servers do mundo. Servidores Microsoft são utilizados apenas em cenários que dependem de aplicações baseadas em tecnologias da Microsoft, como por exemplo, sites e sistemas que utilizam a linguagem ASP.NET.

Para ilustrar, enquanto 66% dos sites na internet estão em servidores com sistema operacional derivado do Unix, apenas 33% rodam o Windows IIS (fonte).

Servidores web e hospedagem de sites

Servidores web geralmente são oferecidos como parte de um pacote de serviços, notadamente o de hospedagem de sites. Nos tipos de hospedagem de sites mais populares (compartilhada, VPS, dedicada, revenda e cloud) o servidor web é oferecido como parte inerente ao produto. Da mesma forma, o usuário deste tipo de serviço também terá, frequentemente, o serviço de FTP, banco de dados, linguagem de programação, entre outros, incluídos na prestação do serviço.

Para definir o tipo de hospedagem necessário em cada caso, muitos fatores devem ser levados em consideração, como o objetivo, o tipo do site (se dinâmico ou estático), a audiência, entre outros.

Conclusão

Se você chegou até aqui, já sabe o que é um servidor web e que este termo pode se referir tanto ao equipamento quanto ao software. Além disso, vimos que servidores são fundamentais para a internet funcionar do jeito como a conhecemos atualmente.

Ficou com alguma dúvida ou quer acrescentar alguma informação? Deixe um comentário e teremos prazer em ajudá-lo!

Por:

Tudo Sobre Hospedagem de Sites é um site independente e que se propõe a ser exatamente o que sugere seu nome: uma fonte de conhecimento relevante sobre o universo de hospedagem de sites.

Deixe um comentário